O 9to5Mac publicou hoje uma série de novidades importantes sobre o próximo iPhone. A parte de especificações não é surpreendente: 1 GB de RAM e o processador A5, o mesmo do iPad 2. Mas o que a Apple pode realmente estar fazendo de diferente é chamado de Assistant: seu iPhone poderá falar com você.

Da explicação do 9to5Mac, baseada em “pessoas familiarizadas com a novidade e com achados no SDK”, o Assistant, baseado no app Siri, será incrivelmente útil:

Uma pessoa pode marcar uma reunião com Mark Gurman às 7h30 e o Assistant criará automaticamente a reunião no calendário. Em anotações de eventos, o Assistant também permitiria que usuários adicionassem lembretes no app Reminders, do iOS 5. Por exemplo, um usuário poderia dizer “me lembre de comprar leite quando eu chegar ao mercado”. Outro exemplo seria a integração com o aplicativo Maps. A pessoa diria: “como eu chego ao Staples Center” e o Assistant usaria a localização em tempo real via GPS para informar as direções.

Outra habilidade interessante do Assistant é a capacidade de cirar e enviar SMS e mensagens do iMessage usando apenas sua voz. Por exemplo, você pode dizer “enviar mensagem para Mark dizendo que eu me atrasarei para o almoço!” — e ela será enviada.

E isso é só uma parte da história. Após abrir o Assistant segurando o botão home por alguns segundos, será possível ter uma conversa no maior estilo “2001: Uma Odisséia no Espaço” — mas ao invés do HAL 9000, você conversará com seu próprio telefone. Peça para que ele mande um e-mail para seu amigo Adrian — ele perguntará qual conta de e-mail você quer usar. Sempre que você perguntar algo, o Assistant irá perguntar coisas para ter certeza de que está fazendo o melhor trabalho possível, como uma secretária de bolso.

Mas a ideia não é que só você e seu iPhone conversem: o 9t05Mac diz que o Assistant terá uma gigantesca habilidade social com o “Find My Friends”, tudo executado por voz. É bem simples. “Onde está Adrian?” e seu smartphone mostrará onde ele está no mapa, desde que as configurações de segurança de seu amigo permitam isso.

Finalmente, há o Wolfram Alpha embutido no Assistant. O Wolfram Alpha é o equivalente a um amigo extremamente nerd, que sempre está certo e sempre sabe de tudo. E agora o Assistant será esse amigo geniozinho. Pergunte ao seu iPhone o PIB da Líbia: ele dirá na lata. Pergunte para seu iPhone a distância da Terra até Júpiter. Ele dirá. O suporte ao Wolfram Alpha será uma gigantesca mão na roda para conhecimento instantâneo, resoluções de trabalho, escola, ou apenas para vencer uma discussão com um amigo.

O Android tem uma série de comandos de voz muito bem feitos e baseados nas habilidades do Google, mas se o Assistant fizer tudo que os rumores dizem, parece que ele será um novo passo. É difícil imaginar que um detalhe do software seja a coisa mais impressionante do iPhone 5 –e, novamente, tudo isso são rumores até que Tim Cook apresente o aparelho — mas o Assistant tem potencial para deixar o aparelho bem interessante. Se for verdade. [9to5Mac]