Há anos, o modelo básico do iPhone oferece apenas 16 GB de armazenamento não-expansível. À medida que você tira fotos, guarda músicas e instala apps, esse espaço rapidamente se torna exíguo. Parece que isso vai enfim mudar na próxima geração.

>>> Apple pretende deixar próximo redesign do iPhone só para 2017



O Wall Street Journal diz: “em vez de 16 GB para o iPhone mais básico, o novo ponto de partida será de 32 GB, de acordo com uma pessoa familiarizada com os planos da Apple sobre o iPhone”.

Não sabemos, no entanto, quais serão as outras capacidades; a fonte não diz. O iPad Pro tem opções de 32 GB, 128 GB e 256 GB – será que veremos o mesmo no próximo iPhone?

Como dissemos por aqui, comprar um iPhone com 16 GB é uma péssima ideia. E a Apple vem adotando recursos que consomem cada vez mais armazenamento. Vídeos 4K ocupam 375 MB por minuto; as Live Photos são mais pesadas que fotos comuns.

A Apple, claro, aposta que você queira pagar a mais por um espaço confortável de armazenamento. No iPhone 6s, a diferença entre os modelos de 16 GB e 64 GB é de R$ 300; a diferença de custo para a Apple é de míseros US$ 17.

As vendas do iPhone caíram pela primeira vez no início do ano, então talvez a Apple esteja mesmo preparando uma novidade amigável aos consumidores. Claro, rumores também dizem que ela pretende remover a tradicional entrada para fones de ouvido.

[Wall Street Journal via Engadget]

Foto por Robert/Flickr