O Samsung Galaxy S IV será anunciado hoje em um evento em Nova York. Está tão perto que já podemos senti-lo em nossas mãos. E graças aos vazamentos que sempre caem na internet, nós temos uma boa ideia do que podemos esperar dele.

O Galaxy S III do ano passado não foi apenas um ótimo smartphone com Android – foi um campeão de vendas. Quando foi lançado, ele era o smartphone com Android mais aguardado de todos os tempos, e desde então já vendeu cerca de 40 milhões de unidades.

No entanto, dez meses é o suficiente para um dispositivo perder um pouco do seu brilho. O Galaxy S IV vai precisar de uma reformulação interna e externa se quiser impressionar.

Disponibilidade

A Samsung decidiu não usar a Mobile World Congress para mostrar o Galaxy S IV. Em vez disso, ela enviou um convite para todo o universo conhecido dizendo que ele será anunciado oficialmente hoje, em 14 de março.

Você pode acompanhar tudo via streaming: o evento será transmitido ao vivo em youtube.com/SamsungMobile a partir das 20h (horário de Brasília). E o Gizmodo Brasil fará um liveblog neste link, que estará disponível hoje a partir das 19h30.

original

Depois de smartphone ser oficializado, espere o lançamento dele primeiro na Europa, e quem sabe pouco depois aqui no Brasil – o Galaxy S III chegou por aqui algumas semanas após o lançamento europeu.

Nome

Não temos motivos para pensar que o flagship não se chamará Galaxy S IV (ou S 4). Será que isso causaria alguma confusão? O processador da Qualcomm no GSIII americano é chamado Snapdragon S4, o flagship da Apple anos atrás era o iPhone 4S, e o Android de referência atual do Google é o Nexus 4. Todos esses nomes parecidos começam a misturar, né? Não importa. Se a Apple chama todos os seus tablets de iPad, então a Samsung pode continuar com a sua progressão numérica.

Design

O corpo de plástico policarbonato do Galaxy S III tem a vantagem de resistir a milhões de quedas. Mas em 2013, os Androids high-end estão começando a deixando o plástico um pouco de lado. Notavelmente, o HTC One trocou seu revestimento de plástico por um bloco de alumínio.

galaxy s iv it168 (5)

Mas não parece que a Samsung vai fazer o mesmo: diversas imagens vazadas mostram que o Galaxy S IV continua sendo feito de plástico. Além disso, mesmo o recém-anunciado Galaxy Note 8.0 tem o mesmo corpo de plástico do SIII, então faz sentido que a Samsung mantenha a consistência em toda a sua linha de produtos.

Ele deve manter o design do Galaxy S III, porém ganhando a textura metálica da imagem acima. A câmera também foi reposicionada. Mas, como esperado, o Galaxy S IV terá um botão Home físico, assim como nos modelos anteriores.

Segundo o IT168, que vazou fotos do aparelho, ele tem apenas 7,7 mm de espessura e 138 g.

Tela

galaxy s iv it168 (1)

Todos pensam que o Galaxy S IV terá uma tela ainda maior do que o seu antecessor. Diversos rumores falam em uma tela de 4,99 polegadas com resolução 1920×1080 e 440 PPI, em vez da touchscreen de 4.8 polegadas do Galaxy S III. Nas fotos vazadas, vemos que as bordas estão mais finas: assim a tela cresce sem exagerar o tamanho do aparelho. Relatos recentes, no entanto, indicam que a Samsung trocou o AMOLED pela tela Full-HD SoLux.

A qualidade da imagem é um ponto importante agora, e a Samsung pode estar sentindo a pressão para aumentar a resolução e densidade de pixels em relação aos seus competidores. A Apple mantém a sua tela “retina”, enquanto o HTC One tem 4,7 polegadas, 1920×1080 e 468 PPI que deixam os 310 PPI do SIII envergonhados.

E faz sentido uma tela maior, considerando a tendência da Samsung de aumentar suas telas, sem contar que a empresa já tinha indicado planos para uma tela Full-HD de 5 polegadas em seu roadmap de produtos exibido em eventos.

Câmera

O desempenho da câmera em smartphones high-end se tornou importante, e empresas como a Nokia – com a sua excelente tecnologia de processamento PureView – e HTC – lar do UltraPixel – roubaram os holofotes dos antigos líderes.

Alguns rumores e algumas imagens supostamente vazadas dizem que a Samsung vai equipar o GSIV com uma câmera de 13 megapixels. Neste caso, a empresa também provavelmente usará algum tipo de nova tecnologia de processamento bem visível – o que não significa que será eficaz.

original (1)

Mesmo que a Samsung não tenha motivo para se arriscar com o S IV, a empresa investiu com força em tecnologias de imagem nos últimos anos. E no ano passado a tecnologia começou a chegar a seus dispositivos. A Galaxy Camera, por exemplo, foi feita pela equipe de dispositivos móveis da Samsung – mesmo que sua lente e sensor tenham sido usados em outros produtos. Além disso, da sua tela à suas entranhas, a Galaxy Camera era basicamente um Galaxy S III. Em outras palavras, a Samsung já instalou uma câmera 1/2,3 polegadas em um Galaxy S.

Em dezembro, a equipe de imagem digital da Samsung disse ao Gizmodo que era muito séria em relação ao potencial de produtos como a Galaxy Camera – e teríamos notícias sobre isso “em breve”. Imaginamos que o “breve” seja agora.

Bateria

A bateria deve ser maior, com 2600 mAh, o que parece óbvio. A bateria de 2100 mAh no GSIII pode ser inconveniente e não durar um dia inteiro. Uma tela com resolução maior no GSIV só pioraria o problema. Não espere nada como a monstruosa bateria de 3300 mAh do Motorola Razr Maxx, mas uma atualização para uma bateria de 2300 mAh – que está também no HTC One – seria o mínimo, e realista, mas precisaria de algo muito maior para não frustar consumidores.

E o carregamento sem fio também se tornou um lugar comum nos novos smartphones high-end. Ele está presente no Galaxy S III, mas a Samsung deu pouco destaque à função. Seria um pouco decepcionante se o GSIV não viesse com isso.

Sistema operacional

É quase certeza que o GSIV será lançado com o Android 4.2 (Jelly Bean); outros produtos da Samsung já rodam o mais recente Android, então o flagship também deve vir com ele. O Key Lime Pie só deve aparecer em maio, no Google I/O, e é provável que o Google reserve o lançamento para o seu próximo dispositivo Nexus.

Não será um Android puro, no entanto – claro que não. A skin TouchWiz da Samsung vai retornar no Galaxy S IV com uma atualização e provavelmente novos recursos bacanas. Tem um rumor de que a Samsung está desenvolvendo um app chamado “Samsung Orb” para tirar fotos panonâmicas em 360 graus, o que parece algo bom.

O Samsung Galaxy S IV também pode ter gestos sem precisar tocar a tela. Hoje sabemos quais: ao pairar um dedo em pastas na galeria (sem tocá-las), abre-se uma pré-visualização das fotos; e no navegador, é possível navegar entre páginas e rolar para cima e para baixo sem tocar na tela – basta mover o dedo no ar para cima ou para baixo. Também há o Smart Pause, que percebe quando o usuário olha para o lado, e então pausa o vídeo depois de um segundo ou dois.

O New York Times disse que o Galaxy S IV teria função de auto-scroll ao observar seus olhos: quando você chega ao fim de uma página, o celular observa para onde você está olhando e faz o scroll para você. A função até apareceu em screenshots de uma ROM vazada. No entanto, a Bloomberg contesta o rumor: fontes dizem que “scroll com os olhos não estará no Galaxy S IV, mas pode aparecer em versões futuras do aparelho”.

Segundo o Wall Street Journal, o Galaxy S IV virá com o conhecido teclado SwiftKey para Android, o que não é muita surpresa: ele também acompanha o Galaxy Note II.

Especificações

Assim como o Galaxy S III, existirão duas versões do smartphone. Segundo a Bloomberg, a versão americana do Galaxy S IV terá um processador quad-core; apostamos no processador Snapdragon 600 1,7 GHz, usado no HTC One.

rumor-s4b

Em outras partes do mundo, o GSIV terá o Exynos 5 Octa de oito núcleos que a Samsung anunciou na CES, segundo a Bloomberg e diversas outras fontes. Vale lembrar que este chip age como quad-core: não mais que quatro núcleos funcionam simultaneamente. São dois conjuntos de 4 núcleos: um deles contém núcleos Cortex-A15, para tarefas mais exigentes; enquanto o outro grupo tem núcleos Cortex-A7, para lidar com processos mais simples – e assim economizar bateria.

Em relação a outros componentes, ele teria 2 GB de RAM, 16 GB de armazenamento – provavelmente com opção de 32GB também – e entrada para microSD.

Redes, operadoras, conectividade

O GSIV provavelmente não vai evoluir muito nessa área exceto pela possibilidade de ressaltar o carregamento sem fio. Ele deve ter LTE, Bluetooth e NFC também, provavelmente com recursos bacanas de pareamento e sincronização. Esperamos também por suporte a Miracast, que pretende ser a evolução do DLNA.

Também surgiu logo de cara uma versão dual-chip do Galaxy S IV, provavelmente voltada para a China. Vazou o modelo GT-i9502, com dois chips na barra de notificações, e duas entradas para chip na traseira. Mas também haveria uma variante com um chip, a GT-i9500. Vale lembrar que, na China, a Samsung vende versões dual-SIM do Galaxy S III e Note II.