Saiba como comprar o melhor smartphone para você

Seu celular anda sem memória ou travando a todo momento? Listamos cinco opções de smartphones até R$ 2.000 para quem procura um substituto

melhor smartphone

Imagem: Pexels

De acordo com um estudo da FGV (Fundação Getúlio Vargas), existem mais de 240 milhões de smartphones no país, número que é maior do que a população brasileira. Se considerarmos dispositivos móveis em geral, o Brasil conta com mais 400 milhões de aparelhos — o que mostra o quanto estamos conectados. Na edição de hoje do Saiba Como, trouxemos algumas dicas para ajudar você escolher o melhor smartphone.

Armazenamento interno

Quem opta por um modelo com pouca capacidade de armazenamento terá muitos problemas para guardar seus arquivos pessoais (fotos, vídeos e músicas) no aparelho. A longo prazo, com as mensagens, vídeos e fotos do WhatsApp se acumulando — além de apps e outros arquivos –, a falta de memória pode causar lentidão.

Alguns celulares, principalmente com sistema Android, possuem possibilidade de expansão da memória interna através de um cartão SD.

RAM

A memória RAM trabalha em conjunto com o processador para realizar as tarefas que são requisitadas pelo usuário. Para quem usa seu aparelho móvel exclusivamente para acessar redes sociais, por exemplo, 4 GB de RAM já são suficientes. No entanto, se o propósito for jogar games mobile, é importante que o usuário procure aparelhos com 6 GB ou 8 GB para obter uma melhor desempenho.

Processador

É o componente mais importante do aparelho, frequentemente referido como o coração do smartphone — principalmente se o usuário estiver planejando um uso focado em games. Fique atento à quantidade de núcleos do processador, que pode ser quatro (quad), seis (hexa) e oito (octa). Quanto maior a quantidade dos núcleos, maior é a capacidade do dispositivo de realizar tarefas simultâneas.

Bateria

É muito ruim ter que ficar parando para carregar o celular algumas vezes no dia. Levando isso em consideração, celulares que tenham mais de 4000 mAh de bateria tendem a durar o dia inteiro com uso moderado.

Celulares para jogar, tarefa que exige muito poder de processamento e que consequentemente gasta mais energia, necessitam de bateria com maior capacidade de bateria, por isso, vale a pena ter muita atenção neste quesito quando for realizar sua compra.

Pensando em tudo isso, listamos cinco smartphones até R$ 2.000 para ficar de olho caso esteja procurando um substituto para o seu celular velhinho.

Xiaomi Poco X3

O Smartphone da Xiaomi focado no público gamer tem processador de oito núcleos, 8 GB de memória RAM, 256 GB de memória interna e uma bateria de 5160 mAh. Pode ser encontrado por R$ 1.979.

Galaxy A22

O smartphone tem tela de 6,4 polegadas, processador de oito núcleos, 4 GB de memória RAM, 128G B de memória interna e bateria de 5000 mAh. É o dispositivo ideal para quem está focado em tarefas mais básicas, como se comunicar por mensagens ou acessar redes sociais. Sai por R$ 1.209.

Moto G50 5G

O celular tem processador de oito núcleos, 4 GB de memória RAM, 128 GB de memória interna e bateria de 5000 mAh. Além disso, possui compatibilidade com a tecnologia 5G, que deve chegar no Brasil até o segundo semestre de 2022.  Preço: R$ 1.499.

Xiaomi Redmi 10

O Xiaomi Redmi Note 10 tem tela super AMOLED de 6,4 polegadas, processador de oito núcleos, 4 GB de memória RAM, 128 GB de memória interna e bateria de 5000 mAh. Está à venda por R$ 1.705.

Samsung M52 5G

O Samsung M52 tem display de 6,7 polegadas, processador de oito núcleos, 6 GB de memória RAM, 128 GB de memória interna, compatibilidade com tecnologia 5G e bateria de 5000 mAh. Sai por R$ 1.979.

Sair da versão mobile