Em sua maior disputa judicial contra a Apple, a Samsung baseia boa parte do seu argumento dizendo que nunca quis nem precisou copiar a Apple. Mas depois de ler memorandos como este, fica meio difícil de acreditar nisto.

O AllThingsD publicou documentos internos da Samsung bastante reveladores. Executivos da empresa disseram, em uma reunião de 2010:

Eu escuto coisas como isto: Vamos fazer algo como o iPhone.

Quando todos (tanto consumidores como a indústria) falam sobre experiência de usuário, eles a comparam com o iPhone. O iPhone se tornou o padrão. É assim que as coisas já estão.

Você sabe como o Omnia é difícil de usar? Quando você compara a versão de 2007 do iPhone com nosso Omnia atual, dá honestamente para dizer que o Omnia é melhor? Se você compara a experiência de uso com o iPhone, é uma diferença entre o Céu e a Terra.

(…)

Pessoas influentes de fora da empresa se deparam com o iPhone, e eles apontam que “a Samsung está dormindo no ponto”.

Todo esse tempo, nós concentramos toda nossa atenção na Nokia, e concentramos nossos esforços em coisas como Flip, Barra, Slider, mas quando nossa experiência de uso é comparada ao concorrente inesperado Apple iPhone, a diferença é verdadeiramente de Céu e Terra.

É uma crise de design.

O mundo está mudando, e o fluxo da mudança não é algo que você reverte se for contra ele.

A Samsung, portanto, tinha motivos para seguir o iPhone bem de perto, o que acabou levando a este processo judicial por excesso de homenagens. A reunião ocorreu em fevereiro de 2010; no final de março, a Samsung apresentou o Galaxy S pela primeira vez.

Você pode conferir o memorando completo no link a seguir: [Scribd via AllThingsD]

Foto por Nile Livesey/Flickr