A Samsung fala há anos sobre desenvolver um smartphone dobrável, e ele finalmente foi apresentado pela companhia, em evento realizado nesta quarta-feira (20), em San Francisco (EUA). Chamado de Galaxy Fold, o dispositivo conta com especificações monstras e um telão de 7,3 polegadas aberto e uma tela de 4,6 polegadas quando fechado.

Ele começa a ser vendido em 26 de abril com preço sugerido de US$ 1980 — o que o torna um dos aparelhos mais caros já disponibilizados no mercado. A título de comparação, o Galaxy Note 9, último grande lançamento da companhia, saiu por US$ 1.000.

Usando Galaxy Fold com uma mão

O interessante do dispositivo é que ele poderá ser usado das duas formas. Fechado, é uma boa para manuseá-lo só com uma mão, como se usa normalmente a maioria dos aparelhos. Aberto, fica mais interessante para consumir conteúdo multimídia ou mesmo executar múltiplos apps simultaneamente — ele tem suporte para até três aplicativos simultâneos.


Para garantir fluidez na experiência entre as telas, a Samsung adicionou o que eles chamam de App Continuity, que torna a troca entre a tela menor e a maior, com o aparelho desdobrado, direta e sem travas.

“Não são só duas telas, mas um aparelho unificado que oferece uma experiência única”, explicou Justin Denison, diretor de desenvolvimento de produtos móveis da Samsung, durante o evento.

Google Maps no Galaxy FoldRepare no lado direito superior: tem um recorte com duas telas. Crédito: Reprodução

Sobre as especificações, a Samsung informa que o Fold tem um processador de 7 nm, 12 GB de RAM e 512 GB de armazenamento. A companhia sul-coreana ressalta que este é o primeiro telefone com UFS 3.0, o que deve oferecer altas velocidades para abertura de apps e downloads.

No que diz respeito a processador, segundo o VentureBeat, América Latina, Hong Kong, China e Japão devem receber versões com o Snapdragon 855, enquanto o resto do mundo deve contar com o Exynos 9820. Na página de especificações do Galaxy Fold, a empresa não traz detalhes sobre isso.

Um telefone com super especificações também vem com um monte de câmeras. A Samsung equipou o Galaxy Fold com SEIS: três na traseira (16 MP, 12 MP e 12 MP), duas na lateral (10 MP e 8 MP) e uma na frente (10 MP). Para perder a cena com esse aparelho vai ser difícil, hein?

Fora isso, o dispositivo conta com um sensor de impressão digital na lateral e uma bateria de 4.380 mAh, que é divida entre os dois módulos do smartphone. O alto-falante, como os outros aparelhos topo de linha da marca, é da AKG.

O Galaxy Fold estará disponível numa versão LTE e outra já pronta para 5G. O usuário poderá escolher entre quatro cores: cosmos black, space silver, martian green e astro blue.