As impressoras 3D para consumidores ainda são raras no Brasil, mas estão chegando aos poucos. Uma das primeiras é a Cube, da 3D Systems, agora em pré-venda na Saraiva em parceria com a brasileira Robtec.

A impressora Cube é plug-and-play, possui conectividade Wi-Fi e traz alguns designs já prontos, ou seja: basicamente é tirar da caixa, ligar na tomada e sair imprimindo objetos. No entanto, isso não é para todo mundo.

Assim como em outros países, impressoras 3D custam caro no Brasil: são R$ 6.690, com lançamento previsto para 16/08. Há quatro opções de cores: azul, verde, branco e lilás. Você também poderá comprar o cartucho na loja – 1 kg de plástico sai por R$ 280 – mas ele ainda não está disponível.

Você tem curiosidade em aprender mais sobre impressão 3D? Então conheça o workshop da plataforma Makers, para os curiosos que desejam entrar no mundo da impressão em terceira dimensão. Saiba mais aqui: www.makers.net.br/3d

Com a impressora Cube, você pode criar objetos em plástico ABS, reciclável e mais resistente, ou em plástico PLA, que lhes dá uma superfície com brilho. É possível imprimir objetos com dimensões de até 140 x 140 x 140 mm.

Mas quais? Bonequinhos, peças de xadrez, capas de celular, pulseiras, anéis, luminárias, palhetas de guitarra… A impressora vem com software para Windows e Mac, e 25 projetos já prontos; você pode obter mais no site da Cubify.

Claro, nada disso custa pouco: afinal, ainda estamos no início da era de impressão 3D em casa. Felizmente, se você participar do nosso concurso de arte e design, em parceria com a Imprima 3D, você pode levar uma Cube de graça! Saiba mais neste link; você tem até o dia 23 de agosto para participar.

A Cube chegou ao país em abril, mas só era possível comprá-la direto com a Robtec. E esta é a impressora 3D mais barata que a empresa oferece: o modelo mais avançado, a CubeX, imprime objetos maiores e custa a partir de R$ 12.490; ela não está disponível na Saraiva.

No entanto, há opções mais baratas oferecidas por outras empresas: a Metamáquina 2, por exemplo, custa R$ 3.900, tem base aquecida para evitar deformações na impressão, e permite criar objetos de até 200 x 200 x 150 mm. No entanto, ela só estará disponível em outubro. [Saraiva via Info]