Com um release meio estranho, sem preço definido, nem mesmo data específica (apenas um vago “até o fim do ano”), a Sony anunciou a chegada do Google TV ao Brasil. A plataforma de set-top boxes do Google, que lá fora luta para vingar, estará nas lojas brasileiras a tempo para o Natal. Valerá a pena?

O Google TV fará a sua estreia no Brasil através do Internet Player, nome do modelo NSZ-GS7 — que, hoje, teve alguns reviews publicados em sites como o Verge e o Giz US, onde as avaliações ficaram bem longe de serem positivas. Parece que as várias mudanças que o Google fez no Google TV, permitindo inclusive apps via Google Play, não surtiram efeito e os problemas da primeira encarnação do sistema permanecem.

O Internet Player vem com processador dual-core de 1,2 GHz, um controle remoto todo estiloso com teclado QWERTY físico retroiluminado, touchpad e sensor de movimentos e, claro, o Google TV, que dá acesso a apps e conteúdo sob demanda, além do navegador Chrome e player de vídeo com suporte nativo a formatos bem convidativos, como Xvid e Matroska.

A Sony diz estar orgulhosa de ser a primeira empresa a apostar no Google TV mundialmente — além do Brasil, o Internet Player desembarcará, também em 2012, em outros países: México, Reino Unido, Canadá, Austrália, França, Alemanha e Holanda. Muito legal, mas sem preço e data oficial de lançamento, fica complicado. Há outras perguntas importantes ainda sem respostas, como possíveis parcerias de conteúdo e estratégia comercial para emplacar um aparelho possivelmente caro, mal recebido pela crítica e desconhecido do público brasileiro. De qualquer forma, estamos curiosos e em busca de respostas.