O projeto de smartphone modular Ara do Google ganhou um concorrente. A startup Vsenn, criada por um antigo gerente do programa Nokia Android X, também quer dar aos usuários a possibilidade de mudar componentes do smarptphone – e o foco está na privacidade.

>>> Veja o mais recente protótipo do smartphone modular do Google em ação

A startup é bem recente, e o site oficial da Vsenn não diz muita coisa. Mas, de acordo com o Android Police, o projeto da Vsenn é um pouco diferente do Project Ara do Google. Para começar, apenas três componentes serão substituíveis – câmera, bateria e processador /RAM. O Ara, do Google, permite trocar absolutamente tudo, criando um smartphone personalizado para cada pessoa.

Já o Vsenn parece mais oferecer um smartphone “atualizável”. Quando um sensor de câmera melhor estiver disponível, substitua a sua. Quando seu processador estiver defasado, vá atrás de um novo. Ou quando a bateria não der mais conta do recado, troque por uma melhor. Não é uma má ideia. A parte externa também será personalizável, com diversos tipos de capas traseiras.

O diferencial do projeto da Vsenn está na privacidade – a startup promete três camadas de criptografia, acesso gratuito a redes VPN e um serviço gratuito e seguro na nuvem. A Vsenn também promete quatro anos de atualização para a versão mais recente do Android puro, sem nenhum tipo de modificação por parte da empresa, e o primeiro modelo aparentemente terá uma tela full HD de 4,7 polegadas.

Tudo parece bastante promissor, mas falta saber se de fato funcionará – recentemente vimos um novo protótipo do Project Ara do Google em ação, e ainda parece faltar um longo caminho até que ele chegue até nós. Aguardaremos os próximos passos da Vsenn para saber se de fato teremos mais uma boa opção de smartphone modular. [Vsenn via Android Central via Engadget]