Este mês, a Sony revelou o primeiro smartphone 4K do mercado, o Z5 Premium. Ele possui tela de 5,5 polegadas e 3840 x 2160 pixels – mas não usa essa resolução o tempo todo.

Quando você abre um vídeo em 4K, ele é exibido nessa resolução, permitindo notar a densidade de pixels de 806 ppi. No entanto, a interface do sistema e dos apps roda em Full-HD.



A Sony confirmou ao PhoneArena que seu novo smartphone nem sempre usa a resolução nativa da tela, com o objetivo de economizar a bateria:

O Xperia Z5 Premium possui uma tela 4K com resolução de 3840 x 2160 pixels com base no padrão SID, e permite que todo conteúdo de vídeo e imagem possa ser apreciado em resolução 4K. Todos os outros conteúdos são apresentados em resolução 1080p ou inferior, a fim de otimizar o desempenho e a duração da bateria para este dispositivo, garantindo que você possa apreciar a resolução 4K quando mais precisar.

O Z5 Premium tem uma bateria enorme de 3.430 mAh e promete dois dias de bateria: parece que, se toda a interface rodasse em 4K, isso não seria possível. Além disso, ao ativar o 4K só de vez em quando, o smartphone não força o processador Snapdragon 810, que tem alguns problemas de superaquecimento.

“Não use embaixo d’água”

A Sony também comentou sobre outra polêmica que surgiu há alguns dias envolvendo seus aparelhos à prova d’água.

Por muitos anos, o material publicitário da linha Xperia mostrava pessoas felizes tirando fotos na piscina; mas desde o lançamento do Xperia Z4 (ou Z3+), a empresa passou a dizer: “lembre-se de não usar o dispositivo embaixo d’água”.

Xperia a prova de agua
Material publicitário antigo vs. novo

Em comunicado ao Xperia Blog, a Sony diz que não usa mais imagens mostrando seus smartphones sendo usados na água, apenas em ambientes úmidos ou sob chuva. A empresa também sugere que isso está relacionado à garantia dos dispositivos:

As recentes alterações na orientação que fornecemos aos nossos clientes são pensadas para ilustrar mais claramente as melhores formas de proteger os dispositivos no uso diário. Nós comunicamos as precauções necessárias, e os parâmetros específicos de cada classificação de IP (Proteção de Ingresso), para ajudar os clientes a proteger os seus smartphones e tablets em linha com a garantia que nós fornecemos.

Também atualizamos recentemente nossas imagens de marketing para melhor defender o uso sensato dos nossos dispositivos. Os termos da garantia para nossos produtos permanecem os mesmos, e quaisquer preocupações dos clientes continuarão a ser consideradas caso a caso, de acordo com estes termos.

No início do ano, a Sony cogitou oficialmente desistir dos smartphones Xperia.

[PhoneArena e Xperia Blog via El Androide Libre]