Alguns meses atrás a Sony demonstrou seu painel de OLED com tela ultra-fina e flexível, que era mais fina que um cabelo humano, e poderia envolver um lápis. Apesar de não ser tão visualmente impressionante, este protótipo de e-paper flexível ao menos tem uma chance de ser lançado de fato.

Isto posto, eu consigo pensar em dezenas de usos para um OLED de 80 micrômetros de espessura. Imagine como um relógio, envolvendo seu pulso, mostrando gráficos malucos como um Tokyo Flash. Seria animal. Mas a Sony deixou claro que a intenção é usar o seu e-paper para coisas mais factíveis, como substituto de jornais ou livros, como demonstrado antes pela LG.

Se os próximos Readers japoneses vão usar o "flexi-paper" ou se vamos ver calendários animados de 19 polegadas no futuro próximo, só o tempo vai dizer, mas é bem óbvio que este substrato do plástico será bastante usado nos próximos anos. [Sony Insider viaSlashGear]