Por que o Spotify é o melhor
serviço para quem quer
ouvir música grátis

O Spotify Free está de cara nova — no visual e (principalmente) na inclusão de funcionalidades à versão gratuita do serviço. Você continua ouvindo suas músicas sem pagar nada por isso, mas agora com mais liberdade de uso, gastando menos dados do seu celular e com sugestões de faixas que vão ao encontro da sua preferência musical. Quer saber quais são todas as novidades e como usar estes recursos no seu perfil?

A gente mostra para você!

Em abril deste ano, o Spotify renovou sua versão grátis do app para iPhone (iOS) e Android. O layout foi totalmente repaginado, mas as novidades mais interessantes ficaram por conta dos recursos adicionados à versão free. Agora, o usuário da versão gratuita, além de ouvir suas músicas de graça, ainda pode fazer uso da função de Economia de Dados para diminuir o gasto do 4G, tem acesso a algumas playlists sob demanda no aplicativo móvel: nelas pode pular faixas ilimitadamente, tem direito a recomendações personalizadas que melhor refletem os seus gostos (e que vão ficando cada vez mais certeiras conforme você vai usando o serviço) e muito mais.

O que tem de novo por aqui

Com as Playlists Sob Demanda, os usuários têm a praticidade de escolher e ouvir músicas na ordem que preferirem e “pular” a faixa que quiserem — o que só era possível na versão para desktop. Este recurso pode ser usado em 15 playlists personalizadas que são criadas pelo Spotify a partir do que você ouviu, do que você favoritou e do que você disse ao Spotify que gosta.

Entre essas 15 playlists poderão aparecer listas populares curadas pelo próprio Spotify, como Top Brasil, RAPública e Viva Latino, além de playlists como Radar de Novidades e Daily Mix, que são baseadas em seu gosto musical. Juntas, elas devem oferecer cerca de 750 músicas diariamente.

A criação de playlists particulares também está mais fácil. Basta dar um nome e escolher algumas músicas, o Spotify sugere faixas de acordo com as preferências do usuário.

Spotify © Spotify ©
Playlists de músicas aleatórias no dispositivo móvel Captura de tela: Gizmodo Brasil

Outra novidade é a função
de Economia de Dados.

Apesar do streaming de áudio não
gastar muitos dados (principalmente
se comparado ao de vídeo), ele pode
ajudar a acabar com a sua franquia
de planos móveis - e isso é uma
preocupação de muitos brasileiros
que precisam controlar de perto o uso
da internet. Com este recurso, ao sair
do Wi-Fi e continuar ouvindo suas
músicas, o consumo é otimizado para
reduzir em até 70% o volume de dados
trafegado. Essa função é uma boa
alternativas à impossibilidade de baixar
músicas para reprodução off-line.

Spotify
Passo a passo para
ativar a economia de dados.
Gravação de tela: Gizmodo Brasil

Outra funcionalidade são os ícones " " e " ", que ajudam o Spotify a mapear o seu gosto musical e, com isso, fazer recomendações mais certeiras para você. Para salvar músicas na playlist “Favoritos”, toque em " ". Caso não queira ouvir a faixa, basta escolher a opção " " para ocultá-la. Vale lembrar que quanto mais você usa o aplicativo, mais ele te entende, te conhece e, portanto, melhor será a experiência.

Muito mais que música

O que provavelmente você já sabe é que no Spotify você encontra qualquer tipo de artista, qualquer tipo de gênero musical e playlists para qualquer tipo de ocasião: seja ela um evento do trabalho ou a vontade de relaxar para dormir.

Agora, o que você talvez não saiba é
que o Spotify é muito mais do que música.

Ele tem podcasts,
shows de comédia e
pode ser usado como um
facilitador para aprender
um novo idioma. Todas
essas funções estão
também disponíveis
na versão gratuita
do aplicativo.

Spotify
Como selecionar um podcast Gif: Gizmodo Brasil