Depois de mais de um ano rodando pelas ruas do Brasil, o Google terminou a coleta de dados do país e está pronta para anunciar o Street View brasileiro. O lançamento oficial será no próximo dia 30, quinta-feira, e poderemos finalmente brincar de andar pelas ruas do Brasil pela telinha, caçar pessoas fazendo absurdos, cenas estranhas, erros de captura e outras maluquices que nós já vimos lá fora.

Foram 14 meses perambulando pelas ruas do Brasil, em vários Stilos vermelhos fornecidos pela Fiat, parceira do Google no processo. O esquema, que envolve 9 câmeras no topo de um carro, foi visto em vários pontos do país, com relatos frequentes no Twitter – ninguém mandou escolher um carro dessa cor com uma torre no topo. Segundo a empresa, São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro eram as cidades que inicialmente seriam mapeadas, mas a promessa do Google à época era mapear com o tempo todas as cidades e a malha viária do país; um trabalho árduo num território que abrange 26 estados e quase 6 mil municípios. Mas, se tratando de Google, nós não duvidamos de nada – mas a gente sabe que é um caminho muito complexo, já que nem nos EUA o mapeamento foi completo.

O Google promete mais novidades além do anúncio na próxima quinta-feira. Esperamos que ele já chegue pronto para o uso móvel – tanto para Android quanto para outras plataformas – e torcermos para que não surjam muitos problemas de protestos e reclamações de usuários que saírem em poses não fotogênicas nas ruas virtuais. Mas, se o Brasil é o país que mais pede remoção de conteúdo ao Google, tudo indica que a gigante das buscas poderá ter alguns problemas com as leis. E, dada a época de coleta, não será estranho ver banners eleitorais – o que pode ser algo engraçado daqui há uns 10 anos, quem sabe. "Olha, mãe, um banner do Tiririca no Street View! E pensar que ele foi eleito com um milhão de votos! (riso desesperado)". Mais informações na quinta-feira, dia do anúncio oficial. [Foto via Google Discovery]