Kim Dotcom parece estar decidido a relevar o FBI e continuar com seu megaprojeto de compartilhamento de arquivos, depois que o MegaUpload foi fechado.

Ele afirma que seu novo serviço Mega dará 50 GB de armazenamento gratuito para cada usuário. Se for verdade, ele poderá esmagar Dropbox e Skydrive como Kim Dotcom esmaga cadeiras de plástico. (Se você não se preocupar com um possível fechamento do serviço, é claro.)

Kim ainda diz que seus advogados estão trabalhando com a EFF (Electronic Frontier Foundation) para obter os arquivos e o status Premium de quem usava o MegaUpload, e migrar tudo para o novo Mega. No entanto, seria preciso obter autorização judicial – o que deve demorar.

Nós já vimos como será a interface do Mega, e como o serviço quer se blindar de futuras perseguições do FBI e afins criptografando tudo o que é enviado. Funciona assim: você envia os arquivos e recebe uma chave de criptografia. Dessa forma, o site não faz ideia do que está armazenando – só o usuário.

Mas Kim Dotcom não voltou a falar sobre o Megabox, serviço de música que promete ser legalizado e deveria estrear no próximo dia 19.

O Mega, por sua vez, deve abrir as portas neste sábado, segundo um tweet de Dotcom – mas ele havia prometido estreá-lo no dia 20. De um jeito ou de outro, fique atento: ele até fará um evento para lançar o serviço, com o grande palco que você vê abaixo. [Twitter, Twitter e Twitter]

mega-palco