Não faz muito tempo que o Twitter confirmou o lançamento do Super Follow, que permite aos usuários cobrar por acesso a tweets “exclusivos”. Até então, pensava-se que qualquer pessoa poderia cobrar por esse tipo de conteúdo, mas descobertas recentes mostram que as coisas não deverão funcionar assim. Na verdade, os tuiteiros talvez precisem atender a um determinado conjunto de critérios e preencher um formulário antes de fazerem seus seguidores pagar para visualizar os posts.

Quem deu a informação foi a pesquisadora Jane Manchun Wong no último domingo (6). Wong afirma que o desenvolvimento do Super Follow está em estágio avançado, mas que o objetivo principal da modalidade continua o mesmo: um serviço de assinatura para certos tipos de conteúdo adicional, como tweets extras, emblemas de apoiador, boletins informativos exclusivos e acesso a comunidades.

De acordo com Wong, que compartilhou capturas de tela dos supostos novos detalhes no Super Follow, o Twitter só vai permitir a participação de usuários maiores de 18 anos. Além disso, eles precisam ter no mínimo 10 mil seguidores e postado pelo menos 25 tweets nos últimos 30 dias. Quem não atender a essas exigências não conseguirá usar o Super Follow.

Wong ainda descobriu que o Twitter estaria tentando fazer os usuários preencherem um formulário para começar a usar o Super Follow. O aplicativo pede que eles identifiquem sua categoria de conteúdo, outras plataformas de criação e informações demográficas. O Twitter incluiu “conteúdo adulto” e “OnlyFans” como categorias — algo notável, considerando que a rede social descartou conteúdo sexual no Super Follow alguns meses atrás.

O aplicativo também pede aos usuários que detalhem como planejam usar o serviço. Uma vez enviada as informações, a companhia entrará em contato com os candidatos em um período de até 10 dias.

Em uma das telas encontradas por Wong, o Twitter vende o Super Follow como uma forma de os usuários fazerem o que amam e ganhar dinheiro com isso. Uma das capturas, inclusive, mostra a frase “estimador de ganhos”, sugerindo que os usuários podem ganhar US$ 6.250 por mês com o Super Follow se cobrarem de 2% de seus seguidores um preço de US$ 4,99 por mês.

“Ofereça a seus seguidores favoritos algo extra e ganhe dinheiro todo mês. Eles terão acesso a uma experiência mais pessoal com conteúdo bônus, e você será pago pelo que criar. É uma situação em que todos ganham”, diz a descrição do Twitter.

Assine a newsletter do Gizmodo

Em termos de preço, deve-se notar que o Twitter ainda não confirmou um valor fixo para as assinaturas do Super Follow, embora tenha oscilado em torno de US$ 4,99. A expectativa é que a empresa fique com parte da receita gerada com esse recurso.

Ainda não há previsão para o lançamento do Super Follow. Procurado pela equipe do Gizmodo US, o Twitter não quis comentar o assunto.