O Tams60 falou com David Wood, representante da Symbian Foundation, que explicou que eles estão matando a engine Avkon e dando preferência à Qt, o que significa que haverá uma quebra binária quanto aos apps do S60. O termo "revolucionário" também foi mencionado durante a conversa sobre as mudanças na interface.

Não percam as esperanças, fanboys do Symbian! Só não percam também a paciência, porque provavelmente ainda teremos que esperar no mínimo mais um ano por isso. [TamsS60 via Engadget Mobile via BGR]