De acordo com o New York Post, quando a Amazon lançar seu tablet em setembro ou outubro, eles não serão apenas competitivos no preço: eles serão kamikaze no preço.

A fonte do Post diz que o tablet da Amazon vai custar “centenas” de dólares a menos que o iPad, cujo modelo mais barato sai hoje a US$499. Tablets por menos de US$300 já existem, mesmo desconsiderando os xing-lings genéricos por aí: a Vizio, maior empresa de TVs LCD na América do Norte, lançou um tablet de 8″ com Android por US$299. Mas com certeza centenas de dólares a menos é uma estratégia agressiva, especialmente para um (suposto) tablet com Android de 9 polegadas feito por uma empresa conhecida por fazer bom hardware.

Nós já vimos o que derrubar o preço pode fazer para um tablet decente: o HP TouchPad virou objeto de desejo quando seu preço caiu para US$99. Ninguém está supondo que o tablet da Amazon custará o mesmo, mas deve existir um equilíbrio entre qualidade e custo que não conseguiram atingir ainda. Por exemplo, um tablet por 50% do preço do iPad, mas com 75% da qualidade? Seria interessante. [New York Post]