É bom ver a Sony tentando novamente inovar e trazer coisas diferentes aos seus gadgets. Hoje, em sua coletiva pré-IFA 2011, os japoneses mostraram coisas bem interessantes, como o curiosíssimo TV-óculos-3D ou a atualização do Xperia Arc. Mas quem levou mais atenção, como não poderia deixar de ser, foi a sua dupla de tablets, finalmente revelada. Com design diferente e algumas funcionalidades extras, a Sony quer se destacar na multidão de tábuas com Android. Vários sites, incluindo nossos amigos do Gizmodo US, já passaram um bom tempo com os novos brinquedos. O que esperar deles:

 

Sony Tablet S


Design

O visual é belo e diferente de tudo que você já viu, e é provavelmente o ponto alto desse tablet.

Gizmodo US

“À primeira vista, ele parece com qualquer outro tablet. Mas dê uma olhada no outro lado – o que diabos é isso? Ele parece uma revista que está dobrada para trás, criando um lado grosso e um fino. Por um minuto, eu achei isso estúpido. Os componentes mais pesados estão na parte grossa, o que faz com que o pesa mude para a parte mais forte da sua mão. O Tablet é 5 gramas mais leve do que o iPad 2, mas essa distribuição de peso otimizada faz com que ele pareça muito mais leve e mais confortável de segurar com uma mão. E a inclinação significa que os ângulos de visão no colo e em cima da mesa são melhores – sem precisar de smart cover.

A qualidade do material não parece grande coisa. É extremamente plástica. Pode ser comprimida com facilidade. Algumas partes se movem um pouco e provavelmente não deveriam. Até mesmo a tela tem bastante flexibilidade se você fizer um pouco de pressão. Eles usaram algum tipo de vidro mais fino e mais barato para ser mais leve, mas parece que se você derrubar esse negócio ele vai partir em milhões de pedacinhos. Na verdade, bem, nós conseguimos riscá-lo. Isso definitivamente não é Gorilla Glass, e está óbvio agora que deveria ser.”

Hardware

This is my next

“Dentro do Tablet S você irá encontrar uma dose saudável de entranhas familiares do Android. O dispositivo é alimentado por um chipset Tegra 2 da NVIDIA, o que significa que você não apenas terá um desempenho sólido nos apps padrões, mas acesso à apps customizados que tiram vantagem da força do processador. Entretanto, o esses apps representam um número baixo de apenas dois dígitos, então não fique muito animado. O Tablet S tem 1 GB de memória RAM onboard e 16GB ou 32GB de capacidade de armazenamento (Eu testei a versão de 16GB). O dispositivo também tem Wi-Fi, Bluetooth, e uma série de sensores (giroscópio, luz, acelerômetro, etc.). No geral, o desempenho pareceu relativamente rápido, apesar de ter acontecido algumas engasgadas estranhas e travadinhas durante o uso normal. É difícil dizer se é culpa do hardware ou do software. Eu estou torcendo para que seja o último.

O Tablet S tem alto-falantes estéreo (isto é, se você estiver segurando ele no modo paisagem), que produziu um som notavelmente metálico e insatisfatório. Você poderia pensar que o pessoal que trouxe o Walkman iria produzir algo melhor no departamento de som…mas você estaria errado.”

Gadget Lab

“A tela é ótima. É clara com uma excelente profundidade de cor, e os tons de preto estão especialmente bem representados. Eu esperava uma boa tela da Sony, mas esta é ainda melhor. E Claro, a tela de 9.4” gira para ser mais cômoda tanto para destros quanto para canhotos.”

Engadget

“O tablet não pode rodar mídias direto do cartão SD; tudo precisa primeiro ser copiado para o armazenamento interno. Então, se você sonha em comprar a versão de 16GB e colocar um cartão SD barato de 16GB para compensar a diferença, é melhor que isso sirva de alerta.”

Software

Nesse ponto, todos os reviews ressaltam que o software testado não é o final, é mais uma visão geral do que realmente um julgamento.

O Tablet S traz algumas leves modificações da Sony por cima do Honeycomb e algumas novidades como compatibilidade com jogos de Playstation, função de controle remoto e compatibilidade com os (renomeados) serviços de streaming de música e vídeo da Sony: Music Unlimited e Video Unlimited.

Gizmodo US

“A velocidade do Tab S tem altos e baixos. Logo que você liga ele é facilmente um dos tablets Android mais rápidos. O scroll é suave, e mesmo jogos HD complexos rodam muito bem. Mas uma vez que você estiver usando ele por um tempo e tiver aberto vários aplicativos, as coisas realmente começam a ficar lentas. Houve também algumas estranhas anomalias, onde o e-mail nem sempre sincronizava em tempo real. Algumas vezes a tela girava para o lado errado, ou levava um tempo para acompanhar. Mas novamente, isso parece ser mais relacionado ao Honeycomb.”

This is my Next

“Eu tive a chance de brincar com alguns apps e conteúdo exclusivo da Sony, como o controle remoto customizado para equipamentos de home theater da empresa (que utilizam o transmissor de IR do tablet), e Crash Bandicoot, um dos títulos de jogos portados diretamente da versão original de PlayStation. O app de controle remoto foi fácil de configurar e de usar, e eu poderia facilmente ver os donos de tablet usando o S ao invés do controle da Harmony. Por outro lado, enquanto Crash Bandicoot mande bem em replicar os gráficos e sons do PSone, os controles deixam um pouco a desenhar. Na verdade, bastante. Fica claro que o jogo nunca foi pensado para ser controlado via touchscreen, e tentar lutar com o D-pad e os botões não foi nada divertido. Um tablet como o S é capaz de ótimas experiências de jogo, mas tentar simular os controles de um joystick com muitos botões parece uma receita para o desastre.”

Conclusão

Gadget Lab

“Como uma experiência do Android, o Tablet S da Sony é bastante capaz, mas mostra pouco diferencial – tirando o controle remoto universal e o software de emulação de PlayStation, ele tem um desempenho muito parecido com quase todos os tablets Android do seu nível. Mas o design do hardware é o verdadeiro elemento vencedor aqui. A Sony resolveu inovar evitando a tábua simples e optando por uma forma mais humanizada. É nova e incomum, mas ainda assim familiar para qualquer um que tenha lido uma revista na praia. Uma escolha admirável.”

This is my Next

“A empresa é capaz de fazer alguns hardwares muito bons e com um design belo, e eu diria que eles alcançaram isso com o Tablet S. Mas como em esforços passados, a Sony parece travar uma luta na parte do software, e isso torna esse dispositivo mais difícil de recomendar mesmo comparando com outros tablets com Honeycomb. Não há dúvidas de que a Sony tem a matéria prima – know-how em hardware, um grande ecossistema, ótimas marcas como o Playstation – para conseguir um competidor sério entre os tablets, mas esse competidor não é o Tablet S.”

Veja os reviews completos aqui: [Gizmodo US, This is my Next, Engadget, Gadget Lab]

[Especificações]

Tela 9.4 polegadas 1280×800
Processador 1GHz NVIDIA Tegra 2
1GB RAM
Câmera traseira de 5MP e frontal de 0.3MP
Memória expansível até 32GB com cartão SD
Wi-Fi
Preço: 16GB/$499 32GB/$599
Peso: 595g
Disponível nos Estados Unidos e Europa: Setembro

 

Sony Tablet P

[Imagem via engadget]

Anteriormente conhecido como “Sony S2” e com um design um tanto diferente – ou deveria dizer bizarro? – o Sony Tablet P tenta focar na portabilidade (apesar de dificilmente caber no bolso de um casaco comum) e na compatibilidade com os jogos de Playstation.

Ele traz a maioria das funções do Tablet S (exceto a de controle remoto, pela falta de porta IR) e o mesmo processador. Ele é mais leve, tem menos memória interna, mas pesa mais no bolso. Ele irá demorar um pouco mais para chegar nas lojas, então provavelmente os reviews mais detalhados só devem aparecer próximo do final do ano.

A Sony já anunciou que as telas podem funcionar em conjunto (como na homescreen, por exemplo, onde as duas telas funcionam como uma só), ou separadamente (para jogar, os controles ficam na tela de baixo e a imagem do jogo fica na tela de cima, bem similar a alguns jogos do Nintendo DS).

Você pode dar uma olhada nos hands-on e vídeos da Engadget e Slashgear para mais detalhes.

[Especificações]

Duas telas de 5.5” (1024 x 800)
Processador 1GHz NVIDIA Tegra 2
1GB RAM
Câmera traseira de 5MP e frontal de 0.3MP
Memória interna de 4GB expansível até 32GB com cartão SD
3G/Wi-Fi
Preço: U$599
Peso: 372g
Disponível nos Estados Unidos e Europa: No final do ano