Talvez eu nem precise de uma enorme casa futurista à beira de um precipício. Talvez o que eu precise mesmo é de uma casinha na praia, onde dê para comer peixe fresco e curtir um pouco de uma vida mais simples. Como este lugar construído em uma pequena rocha, em Zanzibar.

Para entrar e sair desta casa – que na verdade é um micro restaurante – você precisará nadar, pegar um barquinho ou esperar pela maré baixa, para ir a pé. Quando você estiver lá, o dono do pedaço – um pescador local – vai trazer o pescado do dia (literalmente, quem foi diz que você pede e ele pode sair pra pescar), passar pela grelha e ir diretamente para a mesa. As coisas não ficam muito melhores que isso. Um bom lugar para se estar neste calor todo.