Will Smith e Chris Rock protagonizaram um dos maiores climões da história de Hollywood no Oscar 2022. O comediante, que apresentava o prêmio de melhor documentário no último domingo (27), fez piada sobre a cabeça raspada de Jada Pinkett Smith, mulher de Will. Jada tem uma doença chamada alopecia, que causa a queda de cabelos. 

Não demorou muito para que o assunto entrasse para os trending topics no Twitter. As reações variam entre memes, posições a favor e contra a atitude de Will Smith — e claro, dividiu celebridades hollywoodianas. 

Alguns apoiaram Smith, incluindo o filho de 23 anos do ator, Jaden Smith, que escreveu no Twitter minutos após a cerimônia: “E é assim que fazemos”.

O comediante e produtor Judd Apatow tuitou que Smith poderia ter matado Rock com o tapa. “Eles ouviram um milhão de piadas sobre eles nas últimas três décadas”, escreveu ele, em um tweet agora excluído. “Eles não são recém-chegados no mundo de Hollywood e da comédia.” 

Alguns ficaram chocados com o comportamento de Smith, vendo-o como um exemplo da normalização da violência.

“Violência não é aceitável. Partir pra cima nunca é a resposta”, tuitou a atriz Sophia Bush. “Mas esta é a 2ª vez que Chris tira sarro de Jada no palco do #Oscar , e, esta noite ele fez piada de sua calvície. Dar um soco na doença autoimune de alguém é errado. Fazer isso de propósito é cruel. Ambos precisam de um respiro.”

“Deixe-me dizer uma coisa, é uma prática muito ruim subir no palco e agredir fisicamente um comediante”, twittou a humorista Kathy Griffin. “Agora todos nós temos que nos preocupar com quem quer ser o próximo Will Smith em clubes de comédia e teatros.”

“Os ‘vasos de amor’ que conheci nunca agiram de forma violenta contra outro ser humano…” , tuitou o ator Cary Elwes, referindo-se ao discurso de Smith ao receber o prêmio de melhor ator, no qual disse sentir-se provocado a ser um “recipiente de amor”.

O ator Mark Hamill também comentou. “Os comediantes de stand-up são muito hábeis em lidar com haters. Com agressões físicas violentas… nem tanto.”

Aqui no Brasil, o assunto também repertiu. O comediante Rafinha Bastos tuitouo seguinte:

O ator Alexandre Nero foi mais um que condenou a atitude Smith:

Após o desentendimento, Smith foi amparado por amigos como Bradley Cooper e Denzel Washington, que aconselharam a manter calma. Will Smith ganhou a estatueta de melhor ator pelo filme “King Richard” e, em seu discurso, pediu desculpas pela agressão a Rock e revelou o que Denzel disse a ele.

“Eu sei que, para fazer o que fazemos, […] você precisa aguentar pessoas falando maluquices sobre você. Nessa indústria, você precisa aguentar pessoas te desrespeitando. Você precisa sorrir e fingir que está tudo bem. O Denzel me disse há uns minutos: ‘tome cuidado em seus melhores momentos, é quando o diabo vem atrás de você’”.