O site The Next Web passou o fim-de-semana descobrindo atividades suspeitas no iTunes. O que eles descobriram? Várias contas do iTunes foram hackeadas, e usuários disseram que valores entre US$100 e US$1.400 foram gastos sem o conhecimento ou aprovação deles.

O primeiro sinal de que algo estava errado no fim-de-semana veio quando dois desenvolvedores perceberam que 40 das 50 posições da seção de livros do iTunes foram lançadas pelo mesmo desenvolvedor – a maioria sem notas nem comentários, e a maioria comprada com contas hackeadas.

Além disso, um app gratuito chamado World War parece estar fazendo compras dentro do app para enviar dinheiro ao desenvolvedor sem o consentimento do usuário.

Vale lembrar que, como aponta o MacRumors, hacking no iTunes não é coisa nova, tendo sido documentado desde pelo menos 2008, e se muito esta é apenas uma ocorrência mais escandalosa (e mal-executada, tendo chamado tanta atenção).

Então a moral da história é sim, se você tiver uma conta iTunes, dê uma olhada nela para ver se você foi atingido pelos hackers. Além disso, você deve checar sua conta periodicamente. Apesar de a loja iTunes não ser um alvo fácil, ela é um alvo comum. [The Next Web]