Na segunda-feira a comunidade gamer foi surpreendida com o anúncio de que o próximo jogo da saga “The Witcher” está em desenvolvimento. A CD Projekt Red também revelou que o jogo será desenvolvido utilizando o motor gráfico Unreal Engine 5 que promete entregar gráficos muito realistas. O anúncio não trouxe muitas informações e trata-se apenas de uma imagem com um texto “uma nova saga começa”.

Além do texto, a imagem do anúncio do jogo possui um medalhão bem diferente daquele da escola do lobo, utilizado pelo protagonista da trilogia original, Geralt de Rivia. Isso rapidamente fez os fãs da saga especularem nas redes sociais se aquele medalhão era o da escola do gato, usado por Ciri. Essa possibilidade animou os fãs que amam a personagem e também gostariam de ver uma protagonista feminina nos games.

No entanto, a menos que o medalhão da escola do gato tenha sofrido um redesign, o medalhão que  aparece na imagem, que lembra muito um lince, indica que podemos acompanhar um novo protagonista que ainda não foi apresentado nos jogos. A escola do lince não é canônica, mas foi encontrada por alguns fãs no código de The Witcher 3, o que animou os amantes da franquia, mas ao mesmo tempo deixou os fãs de Geralt um tanto receosos.

O medalhão que aparece coberto de neve na foto divulgada pela CD Projekt Red pode indicar a presença da caçada selvagem no novo game. No entanto, ainda são especulações e teorizações em torno da aclamada franquia baseada nos livros de Andrzej Sapkowski e mais informações devem ser divulgadas no futuro.

O último jogo da saga, The Witcher 3, levou o prêmio de jogo do ano em 2015 e deve ganhar uma versão para Playstation 5 ainda neste ano. A saga também serviu de inspiração para uma série original da Netflix que traz Henry Cavill no papel de Geralt de Rivia, Freya Allan como Ciri e Anya Chalotra como Yennefer de Vengerberg. 

Assine a newsletter do Gizmodo