O lançamento oficial do próximo smartphone da linha Galaxy S, da Samsung, está bem próximo de acontecer. E, como diversos detalhes e informações sobre o modelo acabaram vazando na internet, já sabemos bem o que esperar dele.

A começar pela sua aparência — que, como imagens vazadas sugerem, deve ser mais “quadrada”. É algo parecido com o que vemos nos últimos anos com a linha Note, que deve ser descontinuada oficialmente no próximo ano.

A tela do novo Galaxy S22 deve ser plana; com bordas arredondadas de 6,1 polegadas em sua versão padrão. Espera-se que a versão Plus tenha 6,55 polegadas e a Ultra, 6,81 polegadas.

Ainda sobre o corpo do telefone, o Galaxy S22 não apenas será compatível com a caneta inteligente S Pen — tal qual os dispositivos da linha Note — como também deve ser lançado com um compartimento para acomodá-la.

A S Pen não é só uma caneta touch, ela também possibilita que você emita comandos à distância, que são reconhecidos pelos celulares. Isso é possível graças a um giroscópio, que torna possível que, a partir de movimentos pré-estabelecidos pela Samsung, o usuário controle câmeras, volume de suas músicas e entre outras coisas.

Como mostram algumas imagens vazadas mais recentemente, a parte traseira do aparelho não virá com um módulo retangular para abrigar a câmera, como no S21. O conteúdo das fotos mostra um visual mais limpo, que se distancia um pouco de smartphones de empresas concorrentes que apostam em um módulo retangular para posicionar câmeras e demais sensores na traseira dos telefones — como o Pixel 6, do Google, por exemplo. No entanto, alguns vazamentos mais antigos mostram o contrário: em alguma fotos, um módulo em formato de “P” pode ser observado na parte traseira do celular (como você pode ver na imagem deste post).

A boa capacidade de processamento deve ser uma das principais características do modelo de nova geração da linha S. Os vazamentos indicam que o smartphone será lançado com o chip Snapdragon 998, da Qualcomm — o que deve afetar positivamente a experiência com celular. No Brasil, o Galaxy S22 deve ser lançado com o Exynos 2200, processador de dispositivos móveis fabricado pela própria Samsung, e que tem desempenho muito parecido com o Snapdragon.

Assine a newsletter do Gizmodo

O modelo mais básico e a versão Plus devem vir equipados com 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento, enquanto o Galaxy S22 Ultra virá em versões com 12 GB ou 16 GB de RAM, e armazenamento interno de 256 GB e 512 GB.

A bateria promete ser um ponto crítico na próxima versão, já que deve ter menos capacidade de carga que a versão atual do aparelho — que tem 4.000 mAh na versão mais básica e 4.800 na versão Ultra. As novas versões devem ser lançadas com 3.700 mAh e 4.600 mAh, respectivamente.