Se a rolagem infinita do Twitter no seu telefone faz parte do seu ritual diário, você vai querer atualizar o aplicativo o mais rápido possível, caso seja um usuário do Android. Na última semana, o Twitter confirmou uma vulnerabilidade em seu aplicativo para Android que poderia permitir que hackers vissem suas “informações não públicas da conta” e controlassem sua conta para enviar tuítes e mensagens privadas.

De acordo com um post no blog do Twitter Privacy Center publicado na sexta-feira (20), o problema de segurança (recentemente corrigido) poderia permitir que hackers controlassem uma conta e acessassem dados como informações de localização e tuítes protegidos “através de um processo complicado que envolve a inserção de código malicioso em áreas restritas de armazenamento do aplicativo do Twitter”, potencialmente colocando em risco os milhões de usuários do aplicativo.  Um tuíte do suporte do Twitter mais tarde detalhou que o problema foi corrigido para a versão 7.93.4 do Android (lançada em novembro para o KitKat), bem como a versão 8.18 (lançada em outubro para o Lollipop e versões mais recentes).

Portanto, se você usa o aplicativo do Twitter no Android, precisa atualizar para a versão mais recente agora mesmo.

(O aplicativo para iOS aparentemente não foi afetado.)

A publicação do blog dizia que atualmente não há evidências que sugiram que algum agente mal-intencionado tenha explorado esse bug, mas “não podemos ter certeza absoluta”, de modo que o Twitter está tendo uma resposta proativa. No momento, a empresa está enviando um e-mail para os usuários que correm maior risco por essa exploração e fornecendo instruções sobre como atualizar o aplicativo.

Embora essa não pareça ser a mesma vulnerabilidade que um hacker explorou para controlar a conta do CEO do Twitter, Jack Dorsey, em agosto, você pode avaliar por esse erro o quão vergonhoso esses problemas de segurança podem ser. Basta adicionar isso aos outros escândalos recentes de privacidade que o Twitter e o Android se envolveram antes da nova década começar.