Se você acessou o Twitter recentemente, talvez tenha notado uma mudança na sequência de tuítes. Agora, a rede está testando uma identificação de quem criou o tuíte original no meio de uma conversa. Em inglês, aparece abaixo do nome da pessoa “original tweeter”; em português, “usuário que criou o tweet original”.

A novidade está disponível apenas para usuários de alguns mercados e o marcador aparece no app na versão Android e iOS. O próprio Twitter confirmou que o teste para diversos veículos.

“A ideia do Twitter é facilitar conversas públicas. Como parte disso, estamos explorando adicionar mais contexto para as discussões destacando respostas relevantes — como as da pessoa que iniciou a sequência de tuítes”, disse Sara Haider, diretora de produto do Twitter, ao TechCrunch.

A medida pode ser interessante para impedir oportunistas de terem destaque em sequência de tuítes de gente famosa. Há uns tempos, era comum dar uma olhada em menções de tuítes de Elon Musk com pessoas com perfis fakes oferecendo doação de criptomoeda. O lado ruim é que isso dá muito destaque para quem iniciar a conversa. De qualquer jeito, parece ser um início para evitar abusos na rede social.

O Twitter tem considerado há um tempo realizar mudanças em sua interface para que a rede seja mais organizada e mais fácil de usar. Recentemente, ficamos sabendo de um outro teste em que as conversas são organizadas por cores, o que tornaria a rede um pouco mais parecida com o Facebook.

Pessoalmente, gosto muito do Twitter e esta opção de mostrar quem criou o tuíte original me parece bem razoável, pelo menos até alguém inventar alguma forma nefasta.

[TechCrunch]