Ah, que pena: a conta @ceoSteveJobs, um fake de Steve Jobs com mais de 460.000 seguidores, foi suspensa pelo Twitter. Em janeiro, a Apple pediu para que a conta mudasse seu nome para deixar claro que era uma paródia – até um grande jornal do Reino Unido citou a conta como se ela fosse do próprio Steve Jobs. ATUALIZADO

Usar um nome real numa conta de paródia viola os termos do Twitter, mas o dono da conta disse que os melhores nomes (fakestevejobs, fakesteve, fakejobs) não estavam mais disponíveis. Sem mudar o nome, o @ceoSteveJobs – conta de paródia mais popular do Twitter – foi suspenso. Pena que não teremos mais pérolas como “Se recebermos mais um app de peido pra aprovação, eu juro que fecho a App Store” ou “Quando Chuck Norris segura o iPhone 4, o sinal aumenta”. Você pode ver aqui os tweets mais retuitados dele.

Parece que as contas de paródia só ficam em risco se a pessoa parodiada reclamar com o Twitter. Então acho que podemos ficar tranquilos com a conta @oclebermachado: o Cléber Machado de verdade já disse que nunca nem pensou em tomar uma atitude em relação ao fake. [GeekSmack]

ATUALIZAÇÃO: a conta foi reativada, agora com o nome de @falseSteveJobs. Ótimo!