O Twitter começou a testar nesta terça-feira (22) a versão paga do Spaces, chamada “Ticketed Spaces”, e o recurso de “Super Follows” (Super Seguidores, na tradução livre), que passará a cobrar um valor de quem deseja acessar conteúdo exclusivo de perfis na rede social. Os dois programas são as primeiras tentativas do Twitter de atrair grandes criadores de conteúdo para a plataforma, além de incentivar a criação de eventos dentro do site.

As inscrições para as duas opções estão abertas para qualquer aspirante a celebridade do Twitter que atenda a um pequeno conjunto de critérios. Em ambos os casos, as novidades são abertas no aplicativo do Twitter, em uma nova guia chamada “monetização”.

Para entrar no Super Follows, você precisa ter mais de 18 anos, com pelo menos 10 mil seguidores e ter enviado um mínimo de 25 tweets nos últimos 30 dias. Para o programa Ticketed Spaces, também é necessário ser maior de 18 anos, ter um endereço de e-mail verificado, mínimo de 1 mil seguidores, não ter nenhum registro de violação às políticas de anúncios do Twitter e ter hospedado três salas usando o Spaces nos últimos 30 dias.

Imagem: Twitter/Divulgação

Já analisamos aqui no Gizmodo alguns detalhes do Super Follows, mas esta é a primeira vez que vimos os preços oficiais que os criadores do programa podem cobrar de seus fãs. No momento, o Twitter oferece três faixas de preço para assinaturas mensais: US$ 2,99, US$ 4,99 ou US$ 9,99.

Quanto ao tipo de conteúdo que o Twitter espera desses criadores, a decisão final é deles. Contudo, a empresa fez duas sugestões:

O programa Ticketed Spaces, por sua vez, cobra desses usuários um pagamento único para participar de um bate-papo exclusivo do Spaces que os criadores podem hospedar. Ainda não foi definido um valor final, porém o beta do programa cobra o mínimo de US$ 1 e máximo de US$ 999 para que o usuário consiga ingressar em uma sala específica.

Assine a newsletter do Gizmodo

Agora, também sabemos que tipo de comissão o Twitter planeja cobrar dos ganhos do criador, ao menos nessa fase beta atual. O anúncio explica que os usuários “podem ganhar até 97% da receita” com a compra de ingressos e assinaturas de seguidores até que esses usuários excedam US$ 50 mil em ganhos em ambos os produto. Depois que essa quantia é alcançada pela primeira vez, a fatia do Twitter atinge de 3% a 20% dos ganhos futuros de um criador.

“Queremos garantir que vozes emergentes sejam capazes de ganhar dinheiro, e é por isso que estarão qualificadas para ganhar uma parcela maior [de lucro] no início”, escreveu Esther Crawford, gerente de projeto sênior do Twitter.

Os testes do Ticketed Spaces e do Super Follows acontece com algumas contas selecionadas. Não há previsão de quando os programas serão lançados oficialmente para todos os usuários.