A Wired diz que o Twitter tem um sistema de verificação em dois passos em testes internos e pretende disponibilizá-lo “em breve”. O sistema poderia ajudar a prevenir contas sendo hackeadas.

Ontem, no começo da tarde, a conta da Associated Press foi invadida e postou uma mensagem falsa informando duas explosões na Casa Branca que feriram o presidente dos Estados Unidos Barack Obama. Pouco tempo depois, a conta foi suspensa, e o repórter Mike Baker, da AP, disse que a mensagem foi postada cerca de uma hora após um e-mail com um ataque de phishing ser enviado para a agência.

A mensagem com o ataque que não ocorreu contra a Casa Branca assustou muita gente, e a bolsa de Dow Jones caiu vertiginosamente alguns minutos depois do tweet, como é possível observar na imagem abaixo:

dowjones

Isso pode acelerar a liberação do sistema de verificação em dois passos do Twitter. Mas ainda não sabemos detalhes de como ele vai funcionar. É meio embaraçoso para o Twitter que a implementação de mais camadas de segurança além de uma simples senha demorem a acontecer, especialmente considerando que muitos outros já contam com recurso similar (como Google, Apple, Dropbox e mais). [Wired]