O Uber Eats anunciou nesta quinta-feira (6), que deixará de fazer entregas de restaurantes a partir do dia 8 de março. No comunicado, a empresa justificou a decisão como “mudança de estratégia”, e disse que, a partir de agora, será focada apenas em entregas de supermercados e outras lojas, além de delivery de pacotes.

“A partir de agora, a empresa trabalhará em duas frentes: com a Cornershop by Uber, para serviços de intermediação de entrega de compras de supermercados, atacadistas e lojas especializadas; e de entrega de pacotes pelo Uber Flash”.

O aplicativo disse ainda que planeja expandir no Uber Direct, uma opção corporativa que permite que lojas façam entregas no mesmo dia para seus clientes, e em meios de transporte, como motos e táxis.

“Nosso principal objetivo daqui para frente será oferecer acesso à maior e melhor seleção de supermercados, lojas especializadas, pet shops, floriculturas, lojas de bebidas e outros artigos no aplicativo do Uber Eats”, afirmou a empresa em nota.

Em outubro de 2019, a empresa comprou participação majoritária da Cornershop e integrou os pedidos de supermercado ao aplicativo do Uber Eats.

Assine a newsletter do Gizmodo

A orientação da companhia é que os usuários que possuam créditos ou promoções em restaurantes no Uber Eats devem utiliza-los até o dia 7 de março. Para os locais que os restaurantes realizavam entregas apenas através do aplicativo da Uber, a empresa afirma que está “oferecendo todo o suporte aos restaurantes durante esse período de mudanças”.

No Brasil, a Cornershop opera desde janeiro desde 2020. Atualmente, o serviço está disponível na seguinte lista de cidades: regiões metropolitanas de Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Jundiaí, Macaé, Maceió, Manaus, Natal, Novo Hamburgo, Piracicaba, Porto Alegre, Presidente Prudente, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba, Taubaté, Uberlândia e Vitória.