Durante a última década, a Amazon desenvolveu uma infraestrutura incrível de armazéns e centros de atendimento dedicados a entregar as compras feitas pelos seus clientes em questão de horas. Para esses clientes, esses espaços são invisíveis, mas um mapa mostra exatamente onde eles estão – e como estão rapidamente se espalhando.

O mapa foi compilado pelo CEO da Channel Advisor, Scott Wingo, e sua criação parece ter sido uma tarefa e tanto. Wingo fiz que as áreas de maior crescimento da Amazon neste ano são o Leste Europeu, onde diversos centros de atendimento foram criados, e a Índia, onde os rumores dizem que quatro centros serão criados. Infelizmente, tanto o Brasil como a América do Sul como um todo parecem estar fora dos planos da Amazon – apesar da empresa já vender livros físicos por aqui.



A Amazon também planeja espalhar novos “centros de triagem” pelos EUA – um novo tipo de instalação, menor que os centros de atendimento. Esses novos armazéns devem ficar prontos à tempo das festas de fim de ano – para a Amazon não sofrer com dificuldade de entrega na época do ano que tem mais pedidos. [Re/Code; Channel Advisor]