Há um ano Kevin Bates redefiniu completamente a tradição antiquada de trocar cartões de visitas ao criar um pequeno console portátil que consegue até mesmo rodar jogos. Inicialmente ele criou o Arduboy para ser um cartão de visitas ideal para apresentar suas habilidades eletrônicas a potenciais empregadores, mas agora qualquer pessoa pode comprar um desses através de uma campanha do Kickstarter.

A reação da internet e a demanda que veio disso foram tão grandes que Kevin deixou o emprego, se mudou para a China e passou o último ano refinando e aperfeiçoando o design do Arduboy até chegar à versão para consumidores que você vê abaixo.

Arduboy

Os circuitos expostos do modelo original ainda são visíveis, mas agora eles estão protegidos por uma carcaça frontal de policarbonato, enquanto uma placa de metal na traseira adiciona resistência ao design fino do novo Arduboy. Com cinco milímetros de espessura, é levemente mais grosso que o original, mas ainda assim é incrivelmente fácil de se transportar no bolso, e ficou também um pouco mais durável.

Além de contar com uma tela OLED bem maior do que o original, o novo Arduboy conta com seis botões, uma bateria recarregável que deve aguentar até oito horas de jogatina, conectividade microUSB e um speaker piezo elétrico de dois canais. Claro que ele não vai aguentar jogos em 3D como um Nintendo 3DS consegue, mas o Arduboy é capaz de rodar alguns jogos em 8-bits, como clones de Super Mario Bros e Pokémon.

Arduboy

O novo Arduboy é completamente open source. Isso significa que você pode criar ou adaptar seus jogos preferidos para ele, além de poder compartilhar e editar a criação de outras pessoas, ou então usar esse pequeno console interativo para aprender como programar em linguagens como C++ usando tutoriais que acompanham o gadget.

Mas, se até agora você não encontrou um motivo para comprar um Arduboy, talvez o preço ajude a tomar a decisão. A campanha do Kickstarter pretendia levantar US$ 25.000, mas conseguiu muito mais do que isso — na tarde de terça-feira (12), as doações já haviam ultrapassado a marca dos US$ 100.000. E os primeiros apoiadores ganham a chance de comprar um Arduboy, com entrega prevista para outubro, por US$ 29. Os outros vão precisar pagar um pouco mais, mas não muito: por US$ 39, você pode ter esse pequeno dispositivo com jogos clássicos para usar em qualquer lugar. [Kickstarter – Arduboy]