De acordo com o Danger Room:

O seu trabalho será testar roupas de proteção bioquímica para o Exército dos EUA . . . diferentemente dos robôs anteriores de testes de vestimentas que precisavam de suporte externo, o PetMan ficará de pé – e andará – sobre seus dois próprios pés. “O PetMan se equilibrará sozinho e movimentará livremente; andará, rastejará e fará diversos exercícios físicos de testes de trajes durante exposição a agentes bioquímicos bélicos”, promete a empresa. “O PetMan também simulará a fisiologia humana dentro do traje protetor ao controlar a temperatura, umidade e suor quando necessário, tudo para proporcionar as condições realísticas de testes”.

Nós só precisamos é colocar um pouco desta nova pele artificial barata neste cara – e talvez um novo tronco – e já temos um Exterminador.

[via Danger Room]