Uma prótese de olho com câmera de 720p pode custar apenas 15 mil dólares

Tanya Vlach cansou de ter apenas um olho. Em seu cotidiano, ela oficialmente tem um par deles, mas o glóbulo ocular esquerdo é apenas uma réplica, algo puramente estético. Ela não pode ter um novo olho, mas busca uma solução revolucionária: um olho-câmera especial capaz de filmar imagens em 720p, exibir imagens via wireless e […]

Tanya Vlach cansou de ter apenas um olho. Em seu cotidiano, ela oficialmente tem um par deles, mas o glóbulo ocular esquerdo é apenas uma réplica, algo puramente estético. Ela não pode ter um novo olho, mas busca uma solução revolucionária: um olho-câmera especial capaz de filmar imagens em 720p, exibir imagens via wireless e à prova d’água. Um pouco de robótica, futurismo e 15 mil dólares podem ajudá-la.

Tanya publicou seu projeto no Kickstarter, um site de crowdfunding que faz grande sucesso nos EUA e já financiou projetos bem bacanas, vários deles ligados à tecnologia. Mas esse é um projeto diferente: trata-se da ideia de transformar um artifício estético, usado apenas para a aceitação social, em uma peça do futuro, um gadget que permita que uma pessoa cega de um olho desfrute de imagens com o outro olho — e, provavelmente, com um resultado e perspectiva completamente diferente.

O projeto inicial do olho contempla uma microcâmera capaz de gravar vídeos em 720p no formato h.264, zoom óptico e digital, bateria recarregável e, claro, uma série de artifícios para ficar semelhante a um olho comum, como sensor para piscar, dilatação de pupila após contato com a luz solar e, indo além de nossa natureza, teria visão infravermelha.

[iframe height=”410″ src=”http://www.kickstarter.com/projects/growaneweye/grow-a-new-eye/widget/video.html”]

Tanya tem até o dia 3 de agosto para juntar 15 mil dólares para tocar o projeto com um grupo de engenheiros que a ajudaram e concordaram em produzir o gadget. Em poucos dias, ela á angariou 5 mil dólares, e tudo indica que seu projeto ao menos sairá do papel. Ela poderá ter o primeiro olho biônico com altas capacidades de transmissão de imagem e, segundo ela, o projeto traz outra discussão interessante: estamos chegando ao momento em que voltaremos a discutir se humanos podem ser mais… robôs? [Kickstarter via Engadget]

Sair da versão mobile