Meu Deus do céu! Um estudante da Universidade Johns Hopkins (EUA) rasgou o torso do homem que invadiu a casa dele à noite. O suspeito também quase perdeu a mão, e morreu no local.

A casa abriga quatro estudantes de graduação e já foi roubada antes: foram levados um Sony PlayStation e dois laptops da última vez.

Quando um dos estudantes escutou uns barulhos a 1 da manhã, ele desceu as escadas para ver o que era, armado com uma espada. Ele viu que a porta lateral da garagem estava arrombada; quando entrou na garagem, foi atacado pelo suspeito.

Não precisavam ter matado o suspeito, mas a polícia confirmou que ele havia sido condenado 29 vezes por crimes como invasão de propriedade. O estudante ainda não foi liberado pela polícia.

Será que o estudante tinha razão? É difícil julgar sem estar lá. Mas uma coisa é certa: não mexa com gamers. [Baltimore Sun]