Em parceria com a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (UNIVESP), a USP anunciou hoje o número de vagas para seu primeiro curso à distância, o de Licenciatura para Ciências. Mas se você está imaginando que vai ganhar um diploma sem sair de casa, é bom ler com calma todas as regras do curso “semipresencial”. Já deu para sacar?

As 360 vagas são divididas entre Piracicaba, Ribeirão Preto, São Carlos e São Paulo, cada uma com 90 vagas. E se agora você pensou “ei, mas por que eu preciso de uma cidade fixa se eu estou vivendo o futuro e vou estudar, fazer provas e me tornar um cientista maluco pelo computador?”. A resposta é que o curso à distância representa 52% da grade curricular. Assim, das 2.835 horas do curso, em 48% delas você terá de estar fisicamente na universidade. Mas talvez valha a pena as visitas, pelo menos para ter um mínimo de contato social, abrir a boca de vez em quando, e até ver uns prédios bonitos, como o da FAU, na USP, feito pelo arquiteto Vilanova Artigas (o da foto).

E é interessante ver como a USP parece acreditar em aulas virtuais, pelo menos a longo prazo. Assim como qualquer curso da USP, o candidato terá de se inscrever pelo site da Fuvest, mas pagando uma taxa menor, de 25 reais. As inscrições vão até o dia 13 de agosto e a prova será realizada dia 12 de setembro. Quais leitores tentarão a sorte? [Info e Revista Fator]