Pela primeira vez na história, a NASA conseguiu capturar uma enorme erupção solar com detalhes sem precedentes usando IRIS, um instrumento altamente sensível que só consegue cobrir uma área relativamente pequena do Sol por vez. A captura desse vídeo envolveu “algumas suposições e um pouco de sorte.”

yev8je51esqblskbmznn



O vídeo feito pela Interface Region Imaging Spectrograph é impressionante. Lembre-se que o vídeo cobre uma área “com cerca de cinco Terras em largura e sete Terras e meia em altura.”