Imagine só sua mãe navegando pela internet, colocando uma foto no Facebook e mandando “rsrsrs” para vários amigos quando de repente uma janela vermelha surge cobrindo a tela: VOCÊ COMETEU UM CRIME NA REDE! Faixa de polícia no fundo, computador travado e, bem, um aviso de que o usuário foi descoberto consumindo pornografia, “em particular uma pornografia do conteúdo homosexual” (sic). Situação constrangedora, não? É isso que um vírus russo está fazendo.

O vírus recebeu 19 traduções — toscas, diga-se de passagem — para assustar usuários de todo o globo. A grande sacada da praga é dizer que o usuário andou consumindo o que não devia e que a solução será ligar para um número “premium”, que na verdade é um número 0900, onde o lucro da ligação vai para o dono da linha. Espertos esses russos, não?

Não é difícil imaginar familiares e amigos se assustando com uma janela assim — no G1, um usuário relata que se assustou e que chegou a acreditar na mensagem nos primeiros momentos. Mas, como sempre, a farsa fica clara pelos erros crassos de português e pela ausência total de credibilidade. Ainda segundo o G1, esse tipo de praga é comum na Rússia e atinge até celulares — que “precisam” enviar um SMS premium para liberar o aparelho. [G1]