Seria uma piada sem graça se dita por um amigo, ou um desabafo válido por qualquer um que sofre com nossas conexões 3G ruins. Mas quando esse conselho vem de um atendente da Vivo, a situação é, no mínimo, desconfortável.

Uma cliente da Vivo estava com problemas no acesso 3G via smartphone havia dois meses. A moça, que não quis ter seu nome publicado, entrou em contato com o SAC da operadora para tentar resolver seu suplício. Sem cerimônia, logo na primeira resposta, o atendente Pedro respondeu:



“Pega o aparelho e arremesse contra a parede! Resolve na hora”

É a vontade que dá, ainda mais depois de um atendimento desses, mas… né? Não é o que alguém espera ouvir ao entrar em contato com o suporte da operadora.

A Vivo disse à Folha que lamenta o ocorrido, que o comportamento do Pedro não reflete a visão que a empresa tem em relação aos seus clientes e que tomará medidas administrativas para que isso não volte a acontecer. Um advogado consultado pela reportagem do jornal disse que cabe uma ação por danos morais aí contra a Vivo.

Fico imaginando se o celular da moça fosse um Nokia daqueles antigões. Além de não resolver o lance do 3G, ela ainda teria que arcar com a reforma da parede. [Folha. Fundo da imagem: -JosephB-/Flickr]