Eles já foram banidos de museus, galerias de arte e eventos esportivos, mas não tem problema porque os bastões de selfie são horríveis e merecem desaparecer. Entretanto, os designers Justin Crowe e Aric Snee tentaram encontrar uma maneira de tornar o bastão de selfie menos desagradável e fizeram um que se parece com um braço humano, o que disfarçaria a solidão de alguém que tira uma selfie. Obviamente, a coisa só ficou ainda pior.

1228965978026325649



>>> Como foi criado o bastão de selfie, e por que ele faz tanto sucesso

>>> Selfies em exposições: uma nova maneira de apreciar a arte ou pura falta de noção?

O Braço de Selfie ainda é apenas um conceito até agora, e, caso os criadores queiram comercializar a ideia, esperamos que eles decidam tornar o braço menos cinzento e parecido com o de um cadáver. Quem olhar para uma pessoa tirando uma foto com o braço de selfie ficará horrorizado, mas pode ser que seus amigos e followers online não percebam a tática. [Justin Crowe Studio via designboom]