O empenho da Panasonic em desenvolver a tecnologia 3D para entretenimento doméstico foi tão grande que o codec 3D desenvolvido pela empresa japonesa foi escolhido pelo consórcio internacional BDA (Blu-ray Disc Association), que regula e normatiza a adoção do formato Blu-ray.

Até as especificações finais do codec serem divulgadas, alguns fabricantes, mais afoitos, lançaram aparelhos 3D no mercado internacional, que depois se provaram incompatíveis com o padrão oficial e precisaram sofrer atualização para funcionar adequadamente.

Com a Panasonic, a coisa foi muito diferente. Como o codec foi criado lado a lado com a indústria do entretenimento, todos os produtos da empresa já foram para as prateleiras das lojas totalmente compatíveis.

viera3d

O codec da Panasonic foi escolhido pois ele prevê compatibilidade máxima mesmo com aparelhos de Blu-ray 2D. Assim, a escolha em assistir ou não em 3D é do consumidor. Se quiser uma experiência rica em 3D, é só selecionar no aparelho para que a imagem Full HD seja dividida para os dois olhos. Se optar pelo 2D, ou ainda não tiver um aparelho de Blu-ray compatível com 3D, o mesmo disco pode ser reproduzido normalmente, em 2D Full-HD.