por Matt Novak

A companhia aérea australiana Qantas anunciou uma nova rota que vai levar os passageiros de Perth, na Austrália, até Londres. Ela vai ser a maior viagem aérea sem paradas do mundo, com uma duração total de 17h30m.

Trem coloca em risco a estrutura da vila dos mistérios em Pompeia
Um estudo concluiu que o jet lag é pior quando viajamos em direção ao leste

O voo de Perth até Londres tem quase 15.000 km e vai ser feito no novo Boeing 787 Dreamliners que a Qantas vai comprar no ano que vem. O voo vai superar o até agora mais longo do mundo, de Dubai para Auckland, na Nova Zelândia, pela Emirates Airlines – ele tem 16h35m de duração.

Os voos da nova linha só vão começar em março de 2018, mas Perth já está se posicionando como um novo hub internacional que vai ligar o Pacífico Sul à Europa. No momento estou em Perth e fiz uma viagem bem longa até chegar aqui: foram 14 horas de Los Angeles até Sidney, e depois mais 5 horas até Perth. Ou talvez não tenham sido cinco horas – depois das primeiras 14 horas de voo achei que ia morrer de cansaço e felizmente a segunda etapa foi bem mais curta do que a primeira.

Por mais demorado que o voo pareça, estamos em uma situação muito mais confortável do que no passado. Em 1938, uma viagem de Londres para Brisbane, na Austrália, durava 11 dias e tinha mais de duas dúzias de paradas.

Passagens para a nova rota entre Perth e London vão começar a ser vendidas em abril do ano que vem, mas os preços ainda não foram divulgados.

[ABC Australia]

Foto via AP