O WhatsApp já está voltando a funcionar normalmente. O desembargador Xavier de Souza, da 11ª Câmara do Tribunal de Justiça de São Paulo determinou o desbloqueio do aplicativo, que ficou cerca de 13 horas sem funcionar em todo o Brasil.

>>> Telegram ganhou 75 novos usuários por segundo com bloqueio do WhatsApp
>>> Mark Zuckerberg e cofundador do WhatsApp se pronunciam sobre bloqueio do app

As operadoras estão, aos poucos, recebendo ofícios com a determinação e, assim, devem liberar o acesso dos clientes ao serviço.

“Em face dos princípios constitucionais, não se mostra razoável que milhões de usuários sejam afetados em decorrência da inércia da empresa”, disse Souza em sua decisão. O desembargador se referiu a falta de colaboração do WhatsApp e do Facebook em cederem dados para um investigação supostamente ligada à facção criminosa Primeiro Comando da Capital.

 

Ele também sugeriu que sejam aplicadas multas mais pesadas para a empresa — o bloqueio é uma medida extrema demais e acaba prejudicando todos os usuários do WhatsApp que não tem nada a ver com o caso que está sendo investigado.

[Link, Globo, UOL]