Sabe a romaria do pendrive? Aquele tira, põe, deixa gravar que muita gente faz para mandar vídeos, músicas e fotos de uma máquina para outra ou até para o videogame de última geração? No Windows7, você se liberta da necessidade de transferir arquivos manualmente e tem a possibilidade de compartilhar toda a sua mídia pela casa.

Imagine só, sua música compartilhada por todos os cantos, para todos os computadores, sem aquele pesadelo de configurações complexas e demoradas. Com alguns cliques, você compartilha seu som favorito, sem dificuldade.



Suas fotos podem ficar armazenadas em apenas um lugar, seja um notebook, PC ou até mesmo em um drive externo com conectividade à rede. Alguns porta-retratos digitais oferecem a possibilidade de exibir, em qualquer lugar da casa coberto por Wi-Fi, as suas fotos sem nenhuma complicação.

Com vídeos, um mundo novo se abre. Depois de organizar sua coleção usando o poderoso Windows Media Player, seus vídeos fluem pela rede cabeada ou por Wi-Fi, para todos os computadores da sua rede. E isso vale para diversos formatos de vídeo digital.

No Windows 7 você não precisa se preocupar se determinado formato de vídeo vai rodar: do popularíssimo AVI Divx, praticamente um padrão da internet, ao MKV, tudo roda fácil. E nada de ficar limitado aos vídeos de baixa definição. Com a integração do poder de CPU e placa de vídeo que o Windows 7 faz, mesmo Divx e WMVs de alta definição e qualidade comparável aos discos Blu-ray rodam lisos, sem engasgos.

O mais sensacional do sistema de compartilhamento de mídia do Windows 7 é a possibilidade de compartilhar todo esse conteúdo com o Xbox 360 ou outro videogame de nova geração. Imagine ver todas suas fotos, ouvir músicas e assistir aos vídeos de sua coleção no sofá, sem PC na sala. No Xbox 360 o acesso é tão simples e seguro quanto nos computadores: você libera apenas os dispositivos da rede que podem acessar sua mídia, mantendo intacta sua privacidade.

Com o Windows 7, as possibilidades são ilimitadas.