*com colaboração de Guilherme Eler

A fabricante chinesa Xiaomi anunciou em um evento online nesta quinta-feira (28) o lançamento de dois produtos no Brasil: o smartphone Xiaomi 11 Lite 5G NE e o tablet Xiaomi Pad 5.

O Xiaomi 11 Lite 5G NE foi lançado no mercado internacional em setembro. Ele tem processador Snapdragon 778G e conta com 6 GB de RAM e 128 GB de memória.

Sua tela Amoled de 6,55 polegadas tem acabamento com vidro fosco e taxa de atualização de 90Hz. São três câmeras traseiras — a principal delas tem 64 MP, e as auxiliares, de 8 MP (ultra wide) e 5 MP (macro). Já a câmera frontal tem resolução de 20 MP.

Imagem: Divulgação/XIaomi

O destaque, no entanto, fica com o design fino e leve. O modelo tem apenas 6,81 mm de espessura — mais fino que uma caneta — e pesa só 158 g — mais leve que uma maçã, nas palavras da própria Xiaomi. Uma indireta à Apple e seus iPhones? Com certeza. Num post da empresa divulgado no Twitter no último dia 22 de outubro, a tal maçã, usada para efeito de comparação, estava mordida.

A menor espessura e o peso abaixo da média cobram seu preço — na bateria. A capacidade dela é de 4.250 mAh, e conta com carregamento rápido de 33 W.

Disponível nas cores “bubblegum blue”, “snowflake white” e “truffle black”, o modelo sai no Brasil por R$ 3.999,99. Você pode comprá-lo a partir de hoje no site mibrasilcom.br e em lojas Mi Store.

Xiaomi Pad 5

O irmão mais velho, o Xiaomi Pad 5, também foi anunciado no Brasil. O modelo foi apresentado mundialmente em agosto, e estava em pré-venda na loja física da Xiaomi no Morumbi Shopping, em São Paulo.

O modelo vêm de fábrica com processador Qualcomm Snapdragon 860, 6 GB de RAM e armazenamento de 128 GB. Sua tela WQHD+ com uma taxa de atualização de 120Hz. A bateria, nesse caso, é bem mais parruda: 8.720 mAh.

O Xiaomi Pad 5 vem nas cores cosmic gray e pure white, e sai no Brasil por R$ 4.299,99.

Segundo o evento, clientes que adquirirem um novo Xiaomi ganharão de brinde 100 GB de armazenamento em nuvem no Google One por um ano.