O Google anunciou nesta semana que irá implementar o sistema SmartReply para os criadores do YouTube. A funcionalidade dará acesso às respostas sugeridas com base no que alguém comentou em seus vídeos. Ao contrário do sistema SmartReply que o Google utiliza para o Gmail, o opção no YouTube exigiu alguns ajustes devido à forma como as pessoas se comunicam na plataforma – agora haverá sugestão de emojis, por exemplo.

“Em comparação com os e-mails, que tendem a ser longos e dominados por linguagem formal, os comentários do YouTube revelam padrões complexos de troca de linguagem, palavras abreviadas, gírias, uso inconsistente de pontuação e utilização frequente de emoji”, disse o Google em seu blog post sobre o recurso.

O post da companhia entra em muito mais detalhes técnicos sobre como o Google adaptou o SmartReply para o YouTube, mas basicamente, o sistema anterior foi desenvolvido para um pequeno número de idiomas e gêneros de escrita.

Evidentemente, isso não compatível com a forma de linguagem usada na seção de comentários do YouTube, que tem sintaxe e cultura próprias. Assim, em vez de usar uma técnica de pré-processamento em nível de palavras, o SmartReply do YouTube usa um único modelo multilíngue para todos os idiomas suportados, o que inclui emojis, arte ASCII e troca de idioma.

Por exemplo, se alguém comentar com um emoji de coração, o SmartReply do YouTube poderá sugerir outro coração em resposta. Ou, se alguém fizer um comentário negativo, o SmartReply poderá sugerir uma resposta construtiva, oferecendo alguma ajuda. Há mudança entre o inglês e o espanhol nos comentários? O algoritmo vai tentar lidar com isso.

Na prática, ele vai se parecer com isso:

Entretanto, de acordo com Next Web, a ferramenta só funcionará em comentários que o SmartReply acreditar que os criadores provavelmente irão interagir. Ou seja, isso deve impedir respostas espirituosas aos trolls. Porém, se o youtuber responde a comentários negativos com frequência, é possível a ferramenta passe a fazer sugestões.

O benefício mais imediato em usar o SmartReply, como eu mesmo me beneficiei ao responder e-mails, é a quantidade de tempo que ela economiza. Claro, escrever “obrigado” não leva tanto tempo, mas ainda assim é mais rápido apertar uma tecla e fazer com que a palavra apareça sem ter que pensar muito nisso.

Quando você tem muitos e-mails para responder em um dia, qualquer coisa para ajudar a economizar tempo é uma dádiva. O mesmo conceito se aplica aos criadores do YouTube, que passam por centenas de comentários em um único vídeo. Qualquer coisa que os ajude a responder mais rapidamente parece muito útil.

Atualmente, o recurso SmartReply para o YouTube está focado em inglês e espanhol, mas o Google planeja adicionar mais idiomas no futuro.