Cientistas confirmam que cometas têm um cheiro bem estranho

Os cientistas conseguiram descobrir detalhes do cheiro do cometa 67P, que, por sinal, não parece ser nada bom.

Ovos podres, urina de gato, amêndoas amargas — esta é a deliciosa mistura que compõe o aroma do cometa 67P. Em uma emocionante iniciativa nerd, membros da equipe da missão Rosetta encomendaram para a empresa The Aroma Company a transformação dessa fragrância em perfume.

>>> Cientistas encontram os elementos básicos da vida em um cometa
>>> Finalmente sabemos o que tem dentro do cometa 67P, que recebeu a visita da sonda Rosetta

Sim, é isso mesmo que você leu. O cometa 67P foi cheirado rapidamente pela sonda Philae antes de morrer na rocha espacial; e agora esse aroma — inspirado pela combinação de sulfeto de hidrogênio, amônia e cianeto de hidrogênio — vai virar perfume.

Colin Snodgrass, o cientista por trás do projeto, planeja impregnar cartões postais com essa essência e enviá-los para os cantos mais distantes da Terra, para que todos os humanos possam apreciar como o sistema solar cheira mal.

Um repórter da New Scientist recentemente conseguiu dar uma cheirada exclusiva no cometa 67P. Ele descreveu o aroma como “acentuado” e “desagradável”, comparando-o a uma presença física dentro de seu crânio. A equipe da missão Rosetta, no entanto, trata a mistura com certo carinho, comparando-a à essência de um lírio.

Se essas descrições conflitantes forem insatisfatórias, você pode descobrir o cheio da Rosetta em primeira mão pegando uma amostra grátis do perfume durante uma exibição no Royal Society, em Londres, em julho, ou ao ter acesso a um dos cartões postais.

[New Scientist]

Imagem por ESA/Rosetta/NavCam

Sair da versão mobile