A nota de um dólar ainda é clássica. Aliás, ela é a que tem o design mais antigo de todas as notas produzidas nos Estados Unidos atualmente. Isso significa, portanto, que não conta com tecnologia chamativa, tons coloridos ou visuais arrojados, que passaram a fazer parte dos redesigns das notas mais valiosas. Mas isso não significa que ela não mudou. Veja só a evolução da nota de um dólar, de 1862 até agora. O velho Georgie está um pouco diferente.

• As TVs de 1920 tinham telas do tamanho de uma tampinha de garrafa e 30 linhas de resolução