O Wall Street Journal diz que, segundo fontes anônimas, o Google abordou grandes empresas da mídia a fim de licenciar programas de TV para um serviço de streaming.

Os detalhes são escassos, mas está claro que o Google quer criar um serviço diferente de Netflix ou Hulu: ele seria mais parecido com TV a cabo, trazendo canais convencionais pelos quais você navegaria, além de conteúdo on-demand.

Intel e Apple também vêm trabalhando em serviços semelhantes. E faria muito sentido para o Google desenvolver este tipo de produto, inclusive para reforçar a Google TV – esta plataforma ainda está em dificuldades.

A gigante das buscas já havia tentado um acordo com empresas de mídia há dois anos, segundo fontes do WSJ, mas as negociações não foram longe. E mesmo agora, não há garantia que o Google – ou outras empresas de tecnologia – consigam entrar no mercado de conteúdo para TV.

Criar um serviço desses seria um grande golpe para o modelo tradicional da TV paga, por isso resta esperar que alguma empresa consiga fechar negócio e reinvente a televisão. Tudo deve acontecer inicialmente nos EUA mas, ei, isto precisa começar em algum lugar. [WSJ]

Imagem por winnond/Shutterstock