Seja para vender viagens para a órbita terrestre, seja para manter os investimentos e orçamentos, empresas de foguetes e agências espaciais têm em comum um interesse em manter o público animado com o cosmos. Não chega a ser uma surpresa que estejamos entrando na era da propaganda do turismo espacial. Ainda que puramente fictício, o material produzido traz de volta elementos clássicos de design desse tipo de anúncio.

Ano passado, a SpaceX lançou uma série de pôsteres turísticos, numa brincadeira sobre tentar convencer as pessoas da Terra de que viver num deserto chamado Marte poderia ser divertido. Recentemente, a NASA — que tem uma máquina de relações públicas que gera mais repercussão que todas as outras entidades governamentais somadas — usou uma tática semelhante para gerar interesse sobre planetas extra-solares.

Agora, o Laboratório de Propulsão a Jato da NASA delegou ao escritório de design Invisible Creature a tarefa de produzir cartazes turísticos para nosso quintal cósmico, destacando lugares para onde a agência espacial pretende enviar missões adicionais. Se essas belezinhas não despertarem em você o desejo de largar tudo e partir para o espaço, eu não sei o que poderia fazer isso.

Cada um dos belos pôsteres inclui homenagens ao passado e ao futuro da agência espacial. O “Grand Tour”, por exemplo, retoma as missões Voyager dos anos 1970 e 1980, quando sondas espaciais estavam partindo para os planetas mais distantes do Sol com uma ajudinha da gravidade dos gigantes gasosos.

posteres 01 the grand tour

O pôster de Marte retrata um futuro em que humanos já terão colonizado o Planeta Vermelho há muito tempo, e em que existirão trajetos históricos sobre o pionerismo na arquitetura e na robótica — alô, Curiosity! — dos primeiros dias. A agricultura, claro, aparece com destaque, ressaltando o desejo da NASA de cultivar plantas no espaço — eventualmente para sustentar colônias humanas.

posteres 02 marte

Meu favorito é o cartaz de Encélado, mas eu tenho uma queda por esta pequena lua de gelo abrigada nos anéis de Saturno, cujo polo sul tem gêiseres que disparam jatos oceânicos no espaço — um espetáculo para sondas ou ônibus intergaláticos! A sonda Cassini completou seu primeiro sobrevoo por cima de Encélado, mas a NASA espara enviar outra missão para esta lua. É um dos lugares mais promissores para descobrir vida alienígena no nosso sistema solar.

posteres 03 encelado

Aqui, exploradores intrépidos remam pelos gélidos oceanos de metano de Titã — sem dúvidas, vestindo algum tipo de roupa especial para não congelarem.

posteres 04 titan

Aqui temos Ceres, o misterioso planeta-anão no qual apareceram aqueles pontos brilhantes, que foram objeto de muita especulação no ano passado. (Eles provavelmente são sal.) Se humanos, um dia, conseguirem ir muito longe no espaço, eles precisarão de fontes locais de água. Um bom jeito de conseguir isso é minerando asteróides como este.

posteres 05 ceres

Não há lugar como a poderosa magnetosfera de Júpiter para pegar uma aurora espetacular. Só tome cuidado com a turbulência do ar e a chuva ácida.

posteres 06 jupiter

Europa: o lar do maior polvo espacial bioluminescente daqui até Alpha Centauri. Mergulhe no oceano subterrâneo desta lua (em uma versão futurística deste robô mergulhador de gelo, talvez?) para ver este monstro mais de perto. Ah, eles também têm um sashimi excelente.

posteres 07 europa

Uma cidade nas nuvens em Vênus? Sim! A superfície pode ser um inferno ardente, mas a 50 km de altitude, o tempo é bem suave. Não há oxigênio, mas isso não é problema para as plantas — dê água, dióxido de carbono e luz do sol e você consegue obter uma colônia espacial sustentável.

posteres 08 venus

E, finalmente, em uma verdadeira homenagem à Era de Ouro da ficção científica, a NASA nos dá um terrário espacial: uma pequena bolha de biosfera, igualzinha ao nosso amado lar. Será um asteroide escavado e terraformado por dentro? O Ringworld, de Larry Niven? Ou alguma outra megaestrutura artificial, criada por humanos do futuro que descobriram como domar o poder das estrelas?

Claro, não importa o quão longe viajemos ou o quão avançadas nossas tecnologias se tornem, não há lugar como o nosso querido lar.

posteres 09 terra

Se o estilo desses cartazes turísticos parece familiar para você, é porque ele realmente é. Você já deve ter visto aqueles pôsteres antigos do Departamento do Interior dos EUA, lançados na década de 1930 para despertar o interesse do público no programa de Parques Nacionais. Estes novos são apenas uma versão renovada de uma campanha testada e aprovada — só que, desta vez, no espaço.

posteres 10 america

[Jet Propulsion Laboratory]