A Blizzard disse esta semana que vai abandonar o suporte a LAN em Starcraft II, sequência de um dos mais bem-sucedidos jogos multiplayer de todos os tempos (adorado e jogado por muitos até hoje). As batalhas entre Humanos, Zergs e Protoss serão disputadas agora exclusivamente online. É claro que já tem jogador furioso exigindo pedindo delicadamente o suporte a LAN, via petição. Mas pra quem já se acostumou a vizinhos de baia no trabalho conversando pela internet no MSN, a história não é tão bizarra assim. Vejamos:

Mesmo assim, Starcraft sem jogatina em rede local parece bizarro demais. Tanto que a revista IncGamers foi perguntar à Blizzard que história era essa: e eles explicaram que o novo jogo acessará o Battle.net através de uma nova tecnologia, a ser revelada futuramente. Pelo menos, garantiram que o acesso ao Battle.net continuará gratuito. O que é bom: próximo passo: garantir zero de lag.

Isso não impediu os fãs de protestarem: já existe uma petição para que a Blizzard inclua suporte a LAN no novo jogo. E apesar das mais de 33.000 assinaturas, a empresa segue firme na decisão, Sim, houve preocupação com pirataria: com o registro obrigatório para usar o Battle.net, a Blizzard tem mais controle sobre isso. Mas também "é uma questão de funcionalidade", diz Karune, administrador de comunidades de Starcraft à revista Escapist. Afinal:

“Nós não tiraríamos a possibilidade de jogos em LAN se não tivessemos algo melhor a oferecer.”

A sequência de Starcraft está prevista para o fim deste ano. Enquanto isso, você fica com este vídeo animal em HD feito por fãs do jogo. [IncGamers via Escapist via Jovem Nerd